iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/10 - 00:14

Jogadores do Inter não desistem de briga pelo título

"Era jogo de seis pontos. Jogamos na casa deles e perdemos. Agora temos que seguir ganhando em casa e buscar uma vitória fora", avalia Nei 

Gazeta Esportiva

Apesar da derrota na noite desta quarta-feira, os jogadores do Internacional ainda não desistiram da briga pelo título brasileiro. À exceção do capitão Guiñazu, desanimado com o mau resultado, a tônica na saída do campo da Vila Belmiro era de que o revés, embora péssimo para as pretensões coloradas, ainda não sepulta de vez o time na disputa pela ponta.

"Não complicou a nossa vida, não. Sabíamos que era difícil, e enquanto tivermos chances vamos lutar, até o final", prometeu o zagueiro Índio. O lateral Nei lamentou a derrota decisiva no litoral paulista: "era jogo de seis pontos. Jogamos na casa deles e perdemos. Agora temos que seguir ganhando em casa e buscar uma vitória fora. O jogo foi equilibrado, tivemos chances, mas não deu".

O atacante Ilan é outro que descarta atirar a toalha. "Não deixamos a briga, pois o campeonato dá muitas voltas e os líderes podem cair. Temos que jogar sempre para ganhar e com o objetivo do título. Não temos alternativa", projetou o jogador, que atuou pela primeira vez como titular do Inter. "O gol deles no primeiro tempo nos complicou muito, pois eles passaram a explorar os contra-ataques em velocidade", avaliou.

A derrota de 1 a 0 para o Santos foi a quarta seguida do Internacional fora de casa, e a oitava do Colorado como visitante na competição. O resultado manteve o time com 47 pontos, e se viu ultrapassado pelo Peixe, que pulou para 48 e roubou do time gaúcho a quarta colocação. Agora, o Inter terá mais dois jogos seguidos fora de casa: o Flamengo, no sábado, e o Grêmio, dia 24, no Olímpico.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias