iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/09 - 10:38

Médico reconhece 'impotência' para deixar Marcos 100%

"O joelho do Marcos é mais velho do que o conjunto da obra. Agora, não tem mais como resolver com uma cirurgia", disse Rubens Sampaio

Gazeta Esportiva

Depois de ser substituído no jogo contra o Cruzeiro, Marcos usou um termo forte e citou que seu joelho esquerdo estava "condenado", em uma declaração que preocupou todos os seus fãs. Sincero, o médico do Palmeiras, Rubens Sampaio, alertou que a articulação do arqueiro nunca mais ficará em situação perfeita.

"Algumas coisas vão além da medicina", afirmou o responsável pelo cuidado aos atletas do Alviverde, em entrevista por telefone. "Ele tem uma artrose no joelho, que não começou com a cirurgia durante a Copa (para corrigir um problema de menisco) e nem foi causada por essa última contusão contra o Cruzeiro. É uma condição de envelhecimento articular, que progrediu e causa limitações", emendou.

Rubens Sampaio avisa que, até o fim da carreira, Marcos terá seu joelho administrado em "suaves prestações". Mesmo após a recuperação do atual problema, o departamento médico planeja avaliações semanais no capitão alviverde.

"O joelho do Marcos é mais velho do que o conjunto da obra. Agora, não tem mais como resolver com uma cirurgia. Também é complicado prever se estará bom na próxima semana, daqui a 15 dias ou até em três meses como o Felipão citou na sua última entrevista. Só vamos tentar deixá-lo confortável para entrar em campo", disse Rubens Sampaio.

Por conta das limitações físicas, Marcos chegou a cogitar o fim da carreira profissional em dezembro deste ano. Aos 37 anos, o arqueiro também já reclamou de fortes dores no ombro.


Leia mais sobre: Marcos

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias