iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/09 - 23:10

Vasco e Atlético Mineiro empatam em São Januário

Partida, com placar de 1 a 1, foi de baixo nível técnico, marcada por muitos erros de passes. Assista aos gols no vídeo abaixo

Gazeta Esportiva

Vasco e Atlético Mineiro empataram por 1 a 1 em partida disputada na noite desta quinta-feira em São Januário na abertura do returno do Campeonato Brasileiro. A partida foi de baixo nível técnico, marcada por com muitos erros de passes, falhas que provocaram a irritação da torcida carioca que viu seu time chegar à sua 12ª partida sem derrota mas só ganhar um ponto.

Com o resultado, o Vasco segue na nona posição, com 27 pontos ganhos, enquanto o Atlético Mineiro segue na zona do rebaixamento, em 17º lugar, com 18 pontos ganhos. Na próxima rodada, o Vasco vai visitar o Palmeiras, enquanto o Atlético Mineiro receberá o Grêmio Prudente.

Assista aos gols da partida


O jogo - veja lance a lance e torcedores do Tempo Real
Apesar dos desfalques, o Vasco começou a partida tentando encurralar o time visitante, mas foi o Atlético o responsável pela primeira jogada de emoção aos sete minutos. Diego Souza puxou o contra ataque e lançou Daniel Carvalho, que descobriu Fabiano entrando livre na área, mas o goleiro Fernando Prass saiu com precisão e evitou a conclusão do atacante mineiro. O primeiro chute do Vasco só aconteceu aos 13 minutos, quando Rômulo tentou de fora da área sem levar qualquer perigo ao goleiro Fábio Costa.

Os dois times se preocupavam apenas com a marcação e criavam poucas jogadas de ataque. Com Jumar improvisado na lateral esquerda, o time carioca forçava muito o jogo pela direita, mas Fagner era bem vigiado pela defesa da equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo. Já o Atlético pouco se arriscava no ataque porque Diego Souza e Daniel Carvalho pouco apareciam na área vascaína e quase não incomodavam o goleiro Fernando Prass.

Só aos 34 minutos o Vasco chegou ao gol, em chute de Rafael Carioca, que tabelou com Fumagalli e chutou forte, obrigando o goleiro Fábio Costa a defender em dois tempos. O time comandado por PC Gusmão aumentou a pressão e acabou marcando seu gol aos 37 minutos. Éder Luís recebeu bom passe de Fágner, evitou a marcação de Rafael Jataí e chutou forte no ângulo esquerdo do goleiro Fábio Costa.

O Atlético tentou adiantar sua equipe para tentar o empate, mas foi o Vasco que voltou a ameaçar aos 41 minutos em chute de Fumagalli, que passou muito perto do gol defendido por Fábio Costa. Aos 44 minutos, a bola foi lançada para Diego Souza mas, antes que ele concluísse a jogada, Dedé apareceu e mandou para escanteio.

O Atlético Mineiro voltou modificado para o segundo tempo. Vanderlei Luxemburgo mudou o esquema tático da equipe, que passou a atuar com dois zagueiros com a saída de Lima e Serginho para a entrada do meia Ricardinho e do atacante Neto Berola. E o Atlético passou a atuar de forma mais agressiva, pressionando a defesa vascaína em busca do gol de empate. Aos dois minutos, quase o time mineiro marca após cobrança de escanteio de Daniel Carvalho. O goleiro Fernando Prass saiu muito mal, mas Diego Souza não conseguiu aproveitar a jogada.

O Vasco só deu o sinal de vida aos cinco minutos, em chute de Rômulo que passou bem perto da trave de Fábio Costa. O Atlético seguia atacando, mas sem muita inspiração. Aos 13 minutos, Neto Berola lançou Daniel Carvalho, que dominou mal e permitiu a intervenção do goleiro Fernando Prass. O time mineiro continuou melhor em campo e, aos 13 minutos, em cobrança de falta, Carvalho acertou a trave de Fernando Prass.

PC Gusmão mexeu na equipe do Vasco, que só voltou a perturbar o goleiro do Atlético aos 25 minutos em cobrança de falta efetuada por Felipe Bastos que Fábio Costa defendeu com segurança. Com o passar do tempo, o time comandado por Vanderlei Luxemburgo começou a mostrar muito nervosismo e a errar passes. Enquanto isso, o Vasco quase não atacava, para irritação da sua torcida que assistia sua equipe apenas se defender, mesmo jogando em casa.

Aos 38 minutos, Daniel Carvalho entrou na área e foi derrubado por Nilton. Pênalti que Ricadinho cobrou no meio do gol para empatar a partida. Nos minutos finais, o Vasco partiu para cima do Atlético, mas o goleiro Fábio Costa fez duas boas defesas e garantiu a igualdade no marcador. Por reclamação, o técnico PC Gusmão ainda foi expulso antes do apito final.


FICHA TÉCNICA - VASCO 1 X 1 ATLÉTICO-MG


Local
: Estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 9 de setembro de 2010 (quinta-feira)
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Cleber Welington Abade (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho e João Bourgalber Nobre Chaves (ambos de SP)
Cartões Amarelos: Rômulo e Jonathan(V);Rafael Jataí e Eron(AM)
Cartão Vermelho: PC Gusmão(Vasco)

GOLS:
VASCO: Éder Luís aos 37 minutos do primeiro tempo
ATLÉTICO MG: Ricardinho aos 39 minutos do segundo tempo

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Dedé, Titi e Jumar; Nilton, Rafael Carioca, Romulo e Fumagalli (Felipe Bastos); Éder Luis (Jonathan) e Nunes (Nilson).
Técnico: Paulo César Gusmão

ATLÉTICO-MG: Fábio Costa; Werley, Lima (Neto Berola) e Réver; Diego Macedo, Rafel Jataí, Serginho (Ricardinho), Fabiano (Mendez) e Eron; Daniel Carvalho e Diego Souza
Técnico: Vanderlei Luxemburgo


Leia mais sobre: Vasco Atlético Mineiro Campeonato Brasileiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AE

vasco atlético mineiro fabiano fagner

Dividida no estádio vascaíno
Fernando Prass (no chão), Fabiano e Fágner (de costas) lutam pela bola em ataque do Atlético-MG

Topo
Contador de notícias