iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/09 - 23:51

Edu Dracena cobra companheiros e aponta individualismo
Capitão santista dispara contra excesso de dribles e pede para atacantes tocarem mais a bola

Samir Carvalho, iG São Paulo

Após a derrota sofrida diante do Botafogo-RJ por 1 a 0, nesta quinta-feira, no Estádio do Pacaembu, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro, o capitão do Santos, Edu Dracena deixou o campo disparando contra os jogadores de ataque. Segundo o camisa 2 do alvinegro, os atacantes santistas não tocaram a bola e exageraram nos dribles e nas individualidades.

"Já passei por vários grupos e sei diferenciar o coletivo e o individualismo. Não estou falando para um apenas. Antigamente tocávamos a bola e saiamos na cara do gol. Hoje estão procurando apenas as individualidades. Antigamente saiamos jogando e hoje damos chutão para frente. Não podemos perder assim. É doloroso. Tem que cobrar sim. Só assim vamos seguir no caminho certo", disparou Edu Dracena, que mandou um recado para os companheiros

"Estão valorizando demais o "eu" e esquecendo do "nós". Não pode ser assim. Nós temos que rever algumas coisas", completou o capitão.

Questionado sobre o assunto em entrevista coletiva, o técnico Dorival Júnior não discordou de Edu Dracena, porém disse que vai resolver o problema internamente com os jogadores. 

"Eu resolvo internamente. Não vou expor jogadores por causa desta situação. Se isso faz parte dos erros. Se isso foi um fato acontecido, vai ser trabalhado internamente", disse Dorival.

 

 


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias