iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/06 - 13:30

Goleiro Bruno treina sozinho no CT do Flamengo

O jogador não viajou com o elenco da equipe carioca para a intertemporada em Itu, interior de São Paulo

Anderson Dezan, iG Rio de Janeiro

Investigado pela polícia por causa do desaparecimento da ex-namorada Eliza Samudio, o goleiro Bruno, do Flamengo, treinou na manhã desta quarta-feira no Centro de Treinamento Ninho do Urubu, em Vargem Grande, zona oeste do Rio de Janeiro. O jogador chegou ao local por volta das 9h30 e executou saltos e defesas com integrantes da comissão técnica.

Na última segunda-feira, a presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, anunciou que Bruno ficará afastado por tempo indeterminado do restante do elenco rubro-negro. O grupo viajou na terça-feira para Itu, no interior de São Paulo, onde realiza a intertemporada durante a pausa no Campeonato Brasileiro para a Copa do Mundo.

“Por enquanto, ele ficará treinando somente no Ninho do Urubu (CT do clube)”, afirmou, completando que a decisão foi tomada para que o atleta esteja disponível caso seja convocado a prestar depoimento.

Segundo o técnico Rogério Lourenço, com o afastamento temporário de Bruno, Marcelo Lomba poderá assumir o posto. “Ele já vinha sendo o segundo goleiro. Não acontecendo nada, ele teria a oportunidade”, disse.

Sumiço

Bruno é considerado suspeito pela polícia pelo sumiço de sua ex-namorada Eliza Samudio, de 25 anos. Desaparecida há cerca de três semanas, a jovem é mãe de B., de quatro meses. Na última semana, a polícia recebeu uma denúncia de que a jovem havia sido espancada por três pessoas no sítio do atleta, localizado no município de Esmeraldas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte (MG).

Segundo investigações, o atleta do Flamengo não concordava em assumir a paternidade do suposto filho, nascido após o fim do namoro, no ano passado. O bebê, que também estava desaparecido, foi encontrado pela polícia na casa de uma amiga da atual mulher do jogador, Dayane Souza, e agora está sob a guarda do avô materno em Foz do Iguaçu (PR).

Investigações

A polícia encontrou na terça-feira manchas de sangue na caminhonete Range Rover, de Bruno. Os vestígios foram localizados próximo ao porta-malas e serão encaminhados para a análise. O material será confrontado com o DNA do pai de Eliza Samudio.

Segundo o delegado Edson Moreira, chefe do Departamento de Investigação, cerca de 20 pessoas já prestaram depoimento sobre o caso. A polícia pediu à Justiça a quebra do sigilo telefônico de Eliza Samudio para identificar quais ligações ela teria recebido na época do seu desaparecimento.


Leia mais sobre: bruno flamengo treino suspeito desaparecimento

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação

Bruno, do Flamengo

Bruno
Goleiro é suspeito no caso do sumiço de Eliza Samudio, sua ex-namorada

Topo
Contador de notícias