iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

13/05 - 15:35

Diego Souza fala em "sensação do dever cumprido" e admite deixar o Palmeiras

“Tenho a consciência tranquila de ter ajudado o clube ao longo dos anos que estive lá. Numa eventual saída minha, não poderia ser diferente”, disse o meia

Paulo Tescarolo, iG São Paulo

O meia Diego Souza comentou, nesta quinta-feira, seu afastamento do elenco do Palmeiras, anunciado na noite de quarta pela diretoria. No comunicado distribuído por sua assessoria, o jogador fala em “sensação de dever cumprido”, cogita a possibilidade de deixar o Palestra Itália e diz que só não está participando do dia-a-dia do clube porque assim foi determinado pela diretoria.

“Todas as minhas atitudes desde o episódio do primeiro jogo contra o Atlético-GO, pela Copa do Brasil, foram seguindo decisões exclusivas do clube. Em nenhum momento abandonei alguma atividade ou me neguei a participar de qualquer evento relacionado à Sociedade Esportiva Palmeiras, seja jogo, treino ou tratamento. Sempre que me ausentei foi por instrução ou licenciado pelo clube”, diz o texto.

AE
Diego Souza diexa o campo e entra em atrito com a torcida diante do Atlético-GO

O episódio ao qual Diego Souza se refere aconteceu no jogo de ida contra o Atlético-GO, que o Palmeiras venceu por 1 a 0. Substituído, o jogador saiu de campo vaiado pelos torcedores e respondeu com um gesto obsceno. A diretoria tentou contornar o caso e pediu que ele se desculpasse, mas o meia recusou. No jogo de volta, a equipe paulista perdeu por 1 a 0 e foi eliminada nos pênaltis.

Agora, afastado do time, Diego Souza não deve voltar a vestir a camisa alviverde. O próprio jogador admite essa possibilidade no texto desta quinta-feira. “Desde minha chegada ao Palmeiras, me entreguei de corpo de alma aos projetos e objetivos do clube. Tenho a sensação do dever cumprido, tanto no que diz respeito a meu rendimento individual quanto coletivo. Tenho a consciência tranqüila de ter ajudado o clube ao longo dos anos que estive lá. Numa eventual saída minha, não poderia ser diferente”.

Cleiton Xavier, parceiro no meio-campo palmeirense, falou de Diego Souza no passado, dando a entender que não voltará a jogar com ele na equipe. “É uma pena porque, além de ser um grande jogador, um craque, ele era um dos líderes do elenco. Era um parceiro”, afirmou Xavier. “Eu, particularmente, me dava bem com ele dentro e fora de campo. Mas a vida segue. Estou me entrosando com o Lincoln e tenho certeza de que faremos uma boa dupla de armação no meio-campo”.


Leia mais sobre: Palmeiras Diego Souza

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Meia concede entrevista no Palmeiras (12/04/2010)

Diego Souza
Meia falou do clube no passado e deu a entender que não voltará a jogar pelo Palmeiras

Topo
Contador de notícias