iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/04 - 15:28

Alessandro, do Ipatinga, pede desculpas à torcida do Cruzeiro

"O maior prejudicado em tudo isso fui eu", admite atacante, que teve problemas em sua passagem pela Toca da Raposa

Gazeta Esportiva

Após comemorar o terceiro gol do Ipatinga na semifinal do Campeonato Mineiro (vitória por 3 a 1 do seu time) com os dedos médios em riste e os braços cruzados em frente aos expectadores do Cruzeiro, o atacante Alessandro pediu desculpas para a torcida azul de Belo Horizonte. Após a comemoração, o jogador acabou sendo expulso.

Alessandro Nunes, de 28 anos, começou a carreira no América-MG, teve breve passagem pelo Cruzeiro no ano passado e logo depois foi para o Atlético-MG. O atacante do Ipatinga declarou que ele extravasou uma mágoa que tinha guardada da equipe da Toca da Raposa.

"No fim das contas, o maior prejudicado em tudo isso fui eu. Além de estar fora das finais do campeonato, fui infeliz ao desabafar sobre os problemas internos que tive na época em que defendi o Cruzeiro", comentou o jogador, que fez três jogos e um gol pelo Ipatinga.

"Senti que fui pouco aproveitado no Cruzeiro e isso me chateou por um bom tempo. Confesso que queria mesmo fazer um gol, mas jamais desrespeitar os torcedores. O que peço são as mais sinceras desculpas a quem tenha se sentido ofendido", concluiu o atacante, que já marcou sete gols no Campeonato Mineiro.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias