iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

26/03 - 16:42

Antônio Carlos não teme queimar etapas com Vinícius

Cautela de Muricy Ramalho com revelações da Copa São Paulo não é vista no técnico atual, que promoveu garoto de 16 anos

Gazeta Esportiva

Quando Muricy Ramalho era técnico do Palmeiras, o discurso no clube era de ter cautela com a equipe que fazia uma boa Copa São Paulo de Futebol Júnior, pois se tratavam de jogadores de até 18 anos apenas. Com Antônio Carlos Zago, o projeto mudou: Vinícius, de 16 anos, subiu ao profissional.

O jogador estreou na quarta-feira passada e se tornou o mais jovem jogador a vestir a camisa do Palmeiras. Com os desfalques de Lenny e Ewerthon, Vinícius ganhará uma nova chance do treinador, desta vez como titular. Neste sábado, ele atuará com Robert diante do Mirassol, no Palestra Itália.

Apesar do rápido processo, Zago não teme queimar etapas. "O mais importante é isentá-lo de responsabilidade. Quando são requisitados, independentemente do momento, esses jogadores têm que jogar. O Vinícius é um jogador que estamos precisando e vai ter oportunidade", disse o técnico.

Da equipe que jogou a Copinha, apenas o lateral esquerdo Gabriel Silva foi aproveitado por Muricy no início do ano. Os outros destaques daquele grupo - como o lateral direito Luís Felipe, o meia Ramos e o atacante Gilsinho - foram levados ao time B do clube, que disputa a Série A-3 do Campeonato Paulista.

"Até queria usar mais jogadores da base, acho importante revelar um ou outro jogador. Mas infelizmente não posso. Fizeram um planejamento no ano passado para inscrever todos esses jogadores da base no Palmeiras B. Vamos ter que esperar o final do Paulista para utilizá-los no profissional", explicou.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias