iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/03 - 18:02

No Guaratinguetá, ordem é "não deixar para a última hora"

Na quinta colocação da Série A-2 do Campeonato Paulista, time terá dois jogos em casa nas três rodadas finais para tentar ficar entre os oito primeiros

Gazeta Esportiva

Com 29 pontos ganhos, o Guaratinguetá ocupa a 5ª colocação da Série A-2 do Campeonato Paulista, ainda sem vaga garantida para a segunda fase. A situação está bem encaminhada: o time terá dois jogos em casa nas três rodadas finais. No entanto, o presidente José Eduardo Ferreira não quer saber de sofrimento: a ordem é não deixar a classificação para a última hora.

"Temos dois jogos em casa, sendo um na última rodada, mas precisamos garantir logo a classificação. Se deixarmos para a última hora, poderemos nos complicar", avisou o dirigente, cauteloso com a presença da Garça do Vale do Paraíba no grupo dos oito melhores, que seguirão na briga pelo acesso. Outro fator de preocupação é a irregularidade da equipe.

"Estamos conversando com os atletas para que a gente consiga acabar com essa inconstância. Não conseguimos realizar um boa sequência de vitórias e isso se reflete na classificação", continuou o dirigente, em referência à derrota para o São Bernardo, na última rodada, barrando série de três triunfos consecutivos. José Eduardo Ferreira, no entanto, sabe da complicada situação da equipe.

"O (técnico) Luis Carlos Martins também não está podendo repetir a escalação em dois jogos seguidos, porque estamos sofrendo com contusões e suspensões em todas as rodadas", relevou o dirigente. O Guaratinguetá volta a campo às 15 horas (de Brasília) deste domingo para enfrentar o Osvaldo Cruz, no Estádio Dário Rodrigues Leite, conhecido como Ninho da Garça.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias