iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/03 - 20:01

Embalado, Santos espera dar fim ao sonho de classificação da Lusa

Atacante Robinho, grande destaque da vitória sobre o Paulista de Jundiaí, na última rodada, voltar a ser titular

Gazeta Esportiva

Embalado, com nove vitórias seguidas (dez na temporada), e líder absoluto do Campeonato Paulista, com 31 pontos ganhos, o Santos tem mais um importante desafio pela frente. Desta vez, contra a Portuguesa, que ocupa a sétima posição no Estadual, com 18 pontos e espera encerrar a série vitoriosa do Peixe, neste domingo, às 17 horas (horário de Brasília), no Canindé, para se manter vivo na briga por uma vaga nas semifinais do Paulistão.

A Lusa, que derrotou o Rio Claro na última rodada, está a apenas três pontos do G-4 do torneio. Por conta disso, o técnico Vagner Benazzi, que irá contar com o retorno do volante Acleisson a equipe, após cumprir suspensão automática - por sua expulsão contra o Santo André -, sabe da importância que este confronto tem para as pretensões dos rubro-verdes na competição.

"Vamos enfrentar um time que, na minha opinião, vem mostrando o melhor futebol do país neste início de ano. Vai ser um jogo difícil, mas se conseguirmos neutralizá-los, poderemos vencer", disse Benazzi, sem dar pistas de como pretende parar o melhor ataque do campeonato, com 32 gols marcados.

Um dos que pode ajudar o treinador da Lusa nesta missão, o goleiro Fábio, também ressaltou a importância do duelo para a Portuguesa. "Nós precisamos da vitória para seguir na briga, mas sabemos que será um confronto difícil", comentou.

Se os rubro-verdes sonham com a classificação, no Santos, onze pontos a frente do primeiro clube fora do G-4 (São Caetano, com 20 pontos), a ordem é continuar com a série vitoriosa do time, que já está em nove jogos no Estadual.

Procurando não superestimar demais esses números, o técnico Dorival Júnior acredita que o Peixe tem condições de alcançar o seu décimo triunfo seguido no Paulistão. "Não temos objetivo de recordes ou espetáculos. Temos sede por vitórias, para ficarmos cada vez mais perto da nossa qualificação para a fase semifinal", afirmou o comandante, prevendo dificuldades para a sua equipe diante da Portuguesa.

"Teremos um grau de dificuldade maior a partir de agora. Por isso, espero que o grupo não baixe a guarda e não diminua o ritmo. Estou muito contente com o nosso elenco, pois ele trabalha com muita seriedade, e espero que continue assim. Jogando com alegria, para conseguirmos os resultados que desejamos", comentou Dorival.

Para o clássico, o treinador santista deverá contar praticamente com a sua força máxima. O atacante Robinho, grande destaque da vitória sobre o Paulista de Jundiaí, na última rodada, voltar a ser titular. Com isso, o meia Marquinhos deve iniciar a partida no banco de reservas. Outra hipótese, mais remota, é a saída do centroavante André, o que possibilitaria a permanência de Marquinhos entre os titulares.

A outra dúvida fica na lateral direita: o volante Roberto Brum segue improvisado no setor ou o polivalente Pará, que retorna após cumprir suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo diante do Paulista, irá receber nova chance. Dorival Júnior só deve definir qual dos dois irá jogar momentos antes do início do confronto.

FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA X SANTOS


Local: Estádio Canindé, em São Paulo (SP)
Data: 7 de março de 2010, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Braghetto
Assistentes: Rafael Ferreira da Silva e Leonardo Ferreira Alves

PORTUGUESA: Fábio; Paulo Sérgio, Thiago Gomes, Preto Costa e Fabrício; Acleisson, Marco Antônio, Athirson e Héverton; Luís Ricardo e Luís Carlos
Técnico: Vagner Benazzi

SANTOS: Felipe; Roberto Brum (Pará), Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Wesley e Paulo Henrique; Neymar, André (Marquinhos) e Robinho
Técnico: Dorival Júnior


Leia mais sobre: Campeonato Paulista Santos Portuguesa

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias