iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

12/02 - 20:53

Longe de casa e com 'mistão', Cruzeiro tenta se reerguer

Derrotado pelo Vélez Sarsfield na estreia da fase de grupos da Libertadores, time pega a Caldense no Estádio Ronaldão, em Poços de Caldas, às 16 horas

Gazeta Esportiva

Derrotado pelo Vélez Sarsfield na estreia da fase de grupos da Copa Libertadores e punido com a perda de três pontos no Campeonato Mineiro pela escalação irregular do atacante Wellington Paulista, o Cruzeiro entra em campo neste sábado tentando se reerguer na temporada. O time pega a Caldense no Estádio Ronaldão, em Poços de Caldas, às 16 horas (de Brasília), para 'salvar' a semana ruim.

Pela primeira vez no Estadual, a Raposa viaja ao interior mineiro, já que atuou no Mineirão nos três primeiros jogos - dois com mando próprio e um com mando do Ipatinga. Longe de casa, o time vai entrar em campo com time misto, já que o técnico Adílson Batista resolveu dar folga a seis titulares, que participaram do confronto na Argentina, pela Libertadores.

Ficaram treinando e se recuperando em Belo Horizonte o lateral direito Jonathan, o zagueiro Leonardo Silva, os volantes Henrique e Marquinhos Paraná e os atacantes Kleber e Thiago Ribeiro. A ausência de boa parte dos titulares não tira a confiança da diretoria celeste na realização de uma boa partida em Poços de Caldas.

"Viemos para jogar o Campeonato Mineiro normalmente, tirando que o Adilson está poupando quatro ou cinco jogadores. O desgaste de fazer um jogo inteiro com menos dois é desumano, até", disse o diretor de futebol, Eduardo Maluf, em referência às expulsões de Gilberto e Gil na Argentina. "Mas o Cruzeiro vem com uma equipe forte para jogar contra a Caldense", complementou, ao site oficial do clube.

Além disso, os substitutos se mostram sedentos para atuar. É o caso de Wellington Paulista, que tem sido preterido para o ataque titular e espera usar o Mineirão para embalar, ganhando a confiança de Adilson Batista. "Quero jogar. Eu já não joguei na Argentina, fiquei só dez minutos em campo. Então quero atuar da melhor maneira possível", afirmou.

A Raposa terá pela frente um rival de qualidade duvidosa. A Caldense tem fraco início de Campeonato Mineiro e ainda não venceu: ocupa a vice-lanterna, com apenas dois pontos. Uma vitória, no entanto, já basta para ultrapassar o time celeste. "O objetivo é pôr fim a essa situação incômoda e não há outro caminho senão enfrentar o Cruzeiro com muita motivação para conquistar nossa primeira vitória e se reerguer na classificação", disse o técnico Alemão.

FICHA TÉCNICA
CALDENSE x CRUZEIRO


Local: Estádio Ronaldão, em Poços de Caldas (MG)
Data: 13 de fevereiro de 2010, sábado
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Emérson de Almeida Ferreira
Assistentes: Guilherme Dias Camilo e Helbert Costa Andrade

CRUZEIRO: Fábio; Marcos, Gil, Thiago Heleno e Diego Renan; Elicarlos, Fabinho, Pedro Ken (Bernardo) e Gilberto; Wellington Paulista e Guerrón (Anderson Lessa)
Técnico: Adílson Batista

CALDENSE: Leandro Lopes; Francisco César, Carciano, Mateus Alves e Ranieri (Márcio Gomes); Maxuel, André, Antônio Luiz e Ewerton; Tiago Cipreste e Walderi
Técnico: Alemão


Leia mais sobre: Cruzeiro Mineiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Vipcomm

Atacante em treino do Cruzeiro

Wellington Paulista
Enquanto alguns titulares ganham folga, atacante estará em campo no jogo deste sábado pelo Mineiro

Topo
Contador de notícias