iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

04/12 - 19:33

Zagallo comemora chave do Brasil e alfineta Argentina

"Muita gente está dizendo que é o grupo da morte. Só se for para os outros", disse o Velho Lobo, sobre a chave brasileira 

Agência Estado

RIO DE JANEIRO - Para muitos, um grupo complicado. E para Zagallo, a chave brasileira é difícil apenas para as outras seleções. Nesta sexta-feira, o ex-técnico do Brasil comemorou o sorteio que definiu o chaveamento na Copa do Mundo e disse que quem deve lamentar são as outras seleções do grupo.

"Achei um bom grupo. Muita gente está dizendo que é o grupo da morte. Só se for para os outros. O Brasil é favorito para conquistar o primeiro lugar. O segundo deve ser Portugal, mas eles não fizeram boa campanha nas Eliminatórias. Se houver surpresa, será a Costa do Marfim roubar a vaga de Portugal. Não vejo possibilidade do Brasil não avançar", garantiu Zagallo.

O ex-treinador aproveitou para alfinetar a seleção argentina, que embora tenha caído numa chave fácil, pode se complicar porque está jogando mal. "A chave da Argentina - com Nigéria, Coréia do Sul e Grécia - está nivelada por baixo. Os argentinos seriam os favoritos, mas pelo que apresentaram este ano, são uma incógnita", opinou.

Uma das apostas de Zagallo na primeira fase é que a África do Sul, comandada por Carlos Alberto Parreira, possa surpreender no Grupo A. "O Uruguai se classificou nas últimas (repescagem com a Costa Rica). A França também precisou daquele gol com a mão para chegar. Contra o México, será um jogo equilibrado. Com o apoio da torcida, acho que pode pintar uma zebra africana", afirmou Zagallo, revelando a torcida pelo compatriota. "Se o Parreira classificá-los, já será um grande passo. Torço por ele".

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias