iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

10/11 - 23:47

Figueirense perde em Natal e se complica na briga pela Série A

Geovani, aos 43 minutos do segundo tempo, definiu a vitória do Mecão, que segue na luta contra a degola

Gazeta Esportiva

FLORIANÓPOLIS - O Figueirense se complicou na disputa por uma vaga ao G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B. Atuando no estádio Machadão, em Natal, a equipe de Santa Catarina acabou derrotada pelo América-RN por 1 a 0 e viu a distância para o Atlético-GO, último time na zona de classificação à elite nacional, aumentar. Geovani, aos 43 minutos do segundo tempo, definiu a vitória do Mecão.

A derrota desta terça-feira deixou o Figueirense cinco pontos atrás dos goianos, que venceram o Ceará também nesta noite e alcançaram os 62 tentos. Em contrapartida, o América-RN subiu duas colocações na tabela ao alcançar 42 pontos, terminando a 35ª rodada da competição na 14ª colocação, deixando Ipatinga e Brasiliense para trás.

O América-RN volta a campo nesta sexta-feira, às 21 horas, quando terá pela frente o Vasco, no Maracanã, em partida que poderá consagrar o título vascaíno da Série B. No sábado, às 16h10, horário de Brasília, o Figueirense buscará retomar o caminho das vitórias contra o Bragantino, no estádio Orlando Scarpelli.

O jogo - Atuando fora de casa, o Figueirense acabou sendo extremamente pressionado pelo América-RN, que dependia do resultado positivo para afastar as chances de rebaixamento. Logo aos dez minutos, Thoni avançou pela ponta direita e cruzou para área. O atacante Max, ex-Palmeiras, cabeceou com estilo, nas mãos do goleiro Wilson. A primeira oportunidade fez os potiguares acreditarem na vitória.

A pressão americana não resultou em gol devido à excelente atuação do goleiro catarinense. Depois de um verdadeiro massacre do Mecão, o Figueira procurou se retrair para evitar a derrota parcial no intervalo. Wilson, por sua vez, mostrou sorte aos 42 minutos, quando Somália soltou uma bomba e carimbou a trave.

O goleiro do Figueirense seguiu como o protagonista do confronto na segunda etapa. Após ser bombardeado nos 45 minutos iniciais, Wilson precisou trabalhar logo aos dois minutos, quando evitou que Max abrisse o marcador. Entretanto, o camisa 1 provou ser um jogador de sorte e viu Thoni acertar a trave, com 16 minutos.

Acuado na partida, os catarinenses viram sua situação se complicar ainda mais aos 22 minutos. Principal reforço do Figueirense durante a competição, o volante Roberto Brum recebeu o cartão vermelho e deixou os visitantes com um jogador a menos. Porém, mesmo em desvantagem numérica, Vinícius Pacheco desperdiçou a oportunidade de marcar o primeiro, aos 32, após rebote do goleiro Rodolpho.

A chance criada pelos alvinegros acordou os mandantes, que carimbaram a trave de Wilson. Desta vez, Geovane acertou o poste. De tanto pressionar, o América-RN chegou ao gol. Aos 43 minutos, após oura bola no travessão, o atacante Geovane tocou de cabeça e, contando com desvio da zaga, vazou o goleiro do Figueira, definindo a vitória do Mecão.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-RN 1 x 0 FIGUEIRENSE


Local: Estádio Machadão, em Natal (RN)
Data:
10 de novembro de 2009, terça-feira
Horário:
21h50 (de Brasília)
Árbitro:
Leonardo Gaciba da Silva (FIFA-RS)
Assistentes:
Altemir Hausmann (FIFA-RS) e Erich Bandeira (FIFA-PE)
Cartões Amarelos:
Somália, Max, Geovane (América-RN); Schwenck, Egídio, Paulo Sérgio, Régis (Figueirense)
Cartão Vermelho:
Roberto Brum (Figueirense)

Gols: AMÉRICA-RN: Geovane, aos 43 minutos do segundo tempo

AMÉRICA-RN: Rodolpho; Leandro Silva, Edson Rocha e Jackson; Thoni, Ricardo Oliveira, Júlio Terceiro (Lenilson), Somália e Juninho; Helinho (Geovane) e Max (André Luis)
Técnico:
Francisco Dia

FIGUEIRENSE: Wilson; Toninho, João Filipe e Régis; Lucas, Diego Paulista, Roberto Brum, Fernandes e Egídio (Vinicius Pacheco); Maicon (Marcelo) e Schwenck (Paulo Sérgio)
Técnico:
Márcio Araújo


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias