iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/10 - 15:26, atualizada às 17:36 30/10

Lesão poderia ter me tirado do futebol, revela Fred

Contusão nos músculos da coxa do atacante foi a mais grave que o médico o Fluminense, Michael Simoni, já viu

Redação iG Esporte e Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Recuperado de lesão na pena direita, o atacante Fred revelou, nesta quinta-feira, que esteve perto de pendurar as chuteiras. A contusão nos músculos da coxa, a mais grave que o médico o Fluminense, Michael Simoni, já viu, corria o risco de não cicatrizar, impedindo o atleta de praticar o esporte.

"Uma coisa que aconteceu no Fluminense, mas que ninguém sabia é que eu corria o risco de nem voltar mais a jogar futebol. Foi o momento mais delicado da minha carreira, por que todo mundo estava colocando pressão, o time estava mal no campeonato", revelou o atacante, em entrevista ao Sportv.

Fred se lesionou durante partida contra o Atlético-MG, em 23 de julho. Ao ser informado da gravidade do problema, decidiu fazer o tratamento em Belo Horizonte para ficar próximo da família. Demorou a voltar ao time e chegou a ser acusado de fazer 'corpo mole', ao pedir para não enfrentar o Corinthians, na 28ª rodada, alegando dores no local machucado.

"Pelo que aconteceu, os médicos não falaram que não ia mais jogar, mas foi o que senti. Depois dos exames, eles disseram: 'graças a Deus você conseguiu voltar bem. Não teve o risco de você não ter mais esses músculos'. Ia deixar minha perna capenga, eu ia perder força. Foi uma lesão muito séria", continuou o camisa 9 do tricolor carioca.

Fred teve uma espécie de fratura de três músculos da coxa. Apesar do panorama negativo, dois deles cicatrizaram, deixando sequelas. "Tenho que fortalecer esses dois para suprir a falta do outro músculo. Perdi um pouco de potência, não está bom chutar de perna direita. Tento me segurar, mas com a perna esquerda está bem", afirmou Fred.

Nesta quinta-feira, o atacante mostrou que está recuperado e motivado - marcou um dos gols da vitória por 2 a 1 sobre o Atlético-MG, que mantém o Fluminense com chances de evitar o rebaixamento. Com isso, Fred não esconde a mágoa que sentiu enquanto era criticado, sem poder entrar em campo. "A única resposta que podia dar na época era entrar e fazer gols, mas estava sem jogar. Tudo o que acontecia no Fluminense era culpa minha. Fiquei chateado, mas consegui me recuperar e estou muito bem agora".


Leia mais sobre: Fred Fluminense

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Photocamera

Photocamera

Fred
"Foi o momento mais delicado da minha carreira, por que todo mundo estava colocando pressão"

Topo
Contador de notícias