iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/06/2009 - 20:12

Com taça na mão, Luís Fabiano avisa: "Minha vez está chegando"

"Estou tentando corresponder da melhor maneira possível e espero manter essa evolução daqui até a convocação final", disse o atacante da seleção brasileira

Gazeta Esportiva

JOAHNESBURGO (África do Sul) - O atacante Luís Fabiano não acredita que a artilharia da Copa das Confederações lhe renderá vaga cativa no grupo brasileiro que provavelmente disputará a Copa do Mundo de 2010. Para o camisa 9 da seleção, mais importante que liderar a tabela dos marcadores foi a equipe de Dunga ter saído de campo com o título, após a dificílima vitória por 3 a 2 sobre os Estados Unidos neste domingo.

"Eu tinha o desejo de ser artilheiro, mas fiquei mais feliz pelo título", comentou Luís Fabiano, autor de dois gols na decisão contra os norte-americanos e cinco ao longo das Confederações. Atrás do brasileiro ficaram os espanhóis David Villa e Fernando Torres, com três cada um. "Com a conquista do troféu é que a gente fica marcado", complementou.

Principal atacante da seleção nos últimos dois anos, Luís Fabiano ficou fora da Copa de 2006. Justamente um ano antes do torneio, o então são-paulino não rendeu o esperado na Copa América e nas Confederações e perdeu a vaga para Adriano, que despontou, e Fred, que vivia grande momento. Para 2010, a história deve ser diferente.

"Minha vez está chegando a cada jogo", sentiu Luís Fabiano. "Estou tentando corresponder da melhor maneira possível e espero manter essa evolução daqui até a convocação final. Quero realizar o meu sonho de jogar a Copa", acrescentou.

A atuação de Luís Fabiano na África do Sul nas últimas duas semanas foi tão abrilhantada que o jogador, eleito o segundo melhor das Confederações, ganhou longos elogios do técnico Dunga. O ex-volante capitão do tretracampeonato mundial em 1994 fez questão de calar os críticos que desconfiavam do 'Fabuloso'.

"Já ouvi pessoas dizendo que o Luís Fabiano faz gol, mas não é tão adequado assim para a seleção. Mas, para mim, centroavante bom é aquele que faz gol, como ele faz", rebateu Dunga. "O Luís tem fome de gol e por isso que decidi colocá-lo no time", destacou.


Leia mais sobre: Luís Fabiano

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias