iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

29/05/2009 - 15:59

Jogador argentino é confundido com traficante no México
"Disseram que meu carro era parecido com os utilizados pelos narcotraficantes e agora penso na possibilidade de trocá-lo", explicou Gabriel Pereyra

EFE

CIDADE DO MÉXICO (México) - O volante argentino Gabriel Pereyra, do Atlante, foi confundido com um narcotraficante no balneário mexicano de Cancún, embora os policiais o tenham tratado bem e o liberado após identificá-lo. Pereyra, de 31 anos, estava em seu carro quando a Polícia o confundiu com um homem suspeito de ser criminoso e que estava foragido em um automóvel similar.

"Eu me identifiquei e em seguida me reconheceram. Disseram que meu carro era parecido com os utilizados pelos narcotraficantes e agora penso na possibilidade de trocá-lo", explicou à imprensa o jogador, considerado o líder do meio campo do Atlante, representante da Concacaf no Mundial de Clubes de dezembro.

Pereyra disse que foi bem tratado pelos policiais e deu pouca importância ao incidente, que aconteceu quando viajava para sua casa no balneário de Cancún, onde o clube tem sede.


Leia mais sobre: Gabriel Pereyra Atlante México

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação

Gabriel Pereyra

Gabriel Pereyra
Atacante disse que foi bem tratado pelos policiais e deu pouca importância ao incidente

Topo
Contador de notícias