iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/05/2009 - 17:50

Parreira não quer marcação individual em Ronaldo
Técnico do Fluminense garante que terá sempre um jogador marcando o atacante corintiano, mas não um zagueiro específico

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - O técnico Carlos Alberto Parreira já tem na cabeça como parar o ataque corintiano no jogo de volta da Copa do Brasil. No confronto de ida, quando o Fluminense perdeu por 1 a 0 dos paulistas, Ronaldo não teve marcação especial e, desta vez, o experiente comandante garante que irá repetir a fórmula que parou o Fenômeno.

"Vamos fazer como no último jogo. Não terá um esquema de marcação especial para Ronaldo, mas sempre terá alguém marcando onde ele estiver em campo. Nunca marcamos de forma individual e não vai ser agora que vamos mudar", declarou o técnico.

Mesmo com a derrota no Pacaembu, Parreira irá utilizar a calma no Maracanã. O Fluminense não irá abdicar do ataque, mas a ideia é não tomar gol, o que aumentaria ainda mais a vantagem do Corinthians.

"Eles têm vantagem. Ela é pequena, mas têm. Precisamos ter atenção e não sofrer gol. Se isso acontecer, complica, pois teremos que fazer três gols. Mas isso não vai nos impedir de arriscar. Não temos outra chance. É a ultima na Copa do Brasil. Tem que ser exaurida até o último momento", discursou.

Fluminense e Corinthians se enfrentarão pelo segundo jogo das quartas de final da Copa do Brasil nesta quarta-feira, às 22 horas (Brasília), no Maracanã.


Leia mais sobre: Parreira Fluminense

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias