iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

17/04/2009 - 14:06

Rafael Moura pode ficar de fora do Atletiba decisivo
O artilheiro rubro-negro será julgado com base no art. 253, do CBJD, ou seja, praticar agressão física contra o árbitro

Gazeta Esportiva

CURITIBA - Pela segunda vez na temporada, o atacante Rafael Moura será julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Paraná (TJD-PR) por uma expulsão no Campeonato Paranaense, desta vez na partida diante do Paranavaí. A decisão sobre uma possível punição está marcada para quarta-feira, dia 22 de abril, e pode tirar o jogador do Atletiba decisivo do próximo final de semana.

No caso da expulsão na partida contra o Iraty, o He-man, como é conhecido, foi absolvido, cumprindo apenas a suspensão automática. Agora, o artilheiro rubro-negro será julgado com base no art. 253, do CBJD, ou seja, praticar agressão física contra o árbitro ou seus auxiliares, ou contra qualquer outro participante do evento desportivo.

A pena nesses casos é de 120 a 540 dias longe dos gramados. Porém, a maior preocupação da comissão técnica, no momento é o confronto diante do rival Coritiba, na penúltima rodada da competição, e que pode praticamente decidir o título antes da última partida do octogonal decisivo.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias