iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

13/03 - 12:21

Maradona critica Riquelme em entrevista a jornal
"Não importa quem é o técnico ou quais são os métodos, não se abandona a camisa da seleção", afirmou

Agência Estado

BUENOS AIRES (Argentina) - O técnico da seleção argentina, Diego Maradona, não hesitou em criticar o meia Juan Román Riquelme, do Boca Juniors, que anunciou na semana passada que não defenderia mais a equipe nacional por discordar dos métodos de trabalho treinador.

"Não importa quem é o técnico ou quais são os métodos, não se abandona a camisa da seleção", afirmou Maradona, em entrevista publicada nesta sexta-feira pelo jornal Clarín , de Buenos Aires. "A única coisa que pedi a ele foi que jogasse mais à frente do que no Boca, mas eles quis falar de métodos", prosseguiu o treinador.

Ele ainda disparou contra o técnico do River Plate, Nestor Gorosito, que saiu em defesa de Riquelme. "Ele não tem nada que se meter", disse, sobre seu ex-companheiro de seleção. E negou que tenha recebido telefonemas de apoio de outros jogadores da seleção. "Vou conversar agora com eles para saber o que acham, se é que eles vão querer falar", explicou.

O técnico ainda prometeu uma Argentina bastante ofensiva para os próximos jogos das Eliminatórias, contra a Venezuela, no dia 28, em Buenos Aires, em seu primeiro jogo à frente da seleção no país, e a Bolívia, no dia 1º de abril, em La Paz. Disse que deve escalar juntos os atacantes Messi, Agüero e Tevez - este último até agora vinha ficando na reserva. "Mas não vamos ser apenas ofensivos, e sim equilibrados", disse "El Diez.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias