iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/03 - 19:25

Botafogo e Maicosuel são absolvidos por confusão contra Friburguense

Entretanto, atletas do time de Nova Friburgo foram punidos por ser reincidentes

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIROA confusão promovida por jogadores de Botafogo e Friburguense foi julgada na tarde desta segunda-feira, pelo TJD-RJ e acabou bem para o atual campeão da Taça Guanabara: O clube e o meia Maicosuel foram absolvidos da denúncia, enquanto os únicos punidos foram os atletas do time de Nova Friburgo, por reincidência.

Na ocasião, Maicosuel foi expulso de campo junto de Cássio, do Friburguense, aos 31 minutos do segundo tempo, após trocar empurrões em disputa de bola. O jogador se recusou a sair de campo e precisou ser levado pelo médico Igor Vaz - o integrante da comissão técnica também foi a julgamento pela invasão, mas foi inocentado.

Desta forma, o meia respondeu pelos artigos 253 (Praticar agressão física) e 258 (Assumir atitude contrária à moral desportiva) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), mas acabou absolvido, pegando pena mínima, já cumprida. Ele está liberado para entrar em campo no sábado, contra o Tigres Brasil, pela Taça Rio.

Já Cássio não teve a mesma sorte. Reincidente, o jogador acabou pegando dois jogos de suspensão, assim como Crispin, outro atleta do Friburguense a ser expulso na partida. Desta forma, ambos estão vetados para a estreia do time na Taça Rio, que acontece neste sábado, em São Januário, contra o Vasco.

Botafogo e Friburguense ainda foram denunciados por conta de uma garrafa pet atirada em cima do assistente Cláudio Batista Ribeiro, durante o segundo tempo. Respondendo aos artigos 213 (deixar de tomar providências capazes de prevenir desordens), ambos acabaram inocentados, se livrando da perda de mando de campo de um a dez jogos, além de multa de até R$ 200 mil.


Leia mais sobre: Friburguense

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias