iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

21/02 - 18:28

Engenheiro Beltrão acaba com a invencibilidade do Coritiba

O alvinegro chegou a 11 pontos, consolidando sua presença no G-8 e a sua recuperação no estadual

Gazeta Esportiva

CURITIBA - O Coritiba perdeu a sua invencibilidade no Campeonato Paranaense e, de quebra, a chance de assumir a ponta da classificação. O time coxa-branca, que pode também deixar a vice-liderança, caiu diante do Engenheiro Beltrão por 3 a 0, no estádio João Cavalcante de Menezes. Com o resultado, o Alvinegro chegou a 11 pontos, consolidando sua presença no G-8 e a sua recuperação.

O time da casa não se intimidou e, depois de perder boas chances, abriu o placar aos 30 minutos do primeiro tempo, com um belo chute de Eurico, que desviou no caminho, bateu na trave e dentro do gol. Denis, aos 43 minutos, apareceu com liberdade na área para ampliar. Na segunda etapa, aos 30 minutos, Safira dividiu com o goleiro Vanderlei e a bola sobrou para Fred fechar o placar.

Na próxima rodada, o Coritiba volta a campo já na próxima terça-feira, quando enfrenta o Toledo Colônia Work, no Estádio Couto Pereira, na capital paranaense, em busca de reabilitação. Já o Engenheiro Beltrão tem mais um jogo em casa, no mesmo dia, quando recebe o J.Malucelli.


O jogo 
Tentando manter o tabu de nunca ter perdido para o Coxa em casa, o Alvinegro começou assustando Logo no primeiro ataque, depois de uma boa troca de passes, Eurico recebeu na entrada da área e bateu com perigo. Aos três minutos, Safira invadiu a área, tocou para atrás, mas ninguém conseguiu completar. A reposta veio aos oito minutos, depois de cobrança de escanteio que Renatinho desviou por cima do gol.

A partida era movimentada, com os dois times procurando o gol e brigando muito no meio-campo. Aos 11 minutos, Safira fez jogada individual e rolou para William, mas Felipe apareceu para interceptar a jogada. O time da casa era mais perigoso e assustava em bolas como o chute de Safira, aos 15 minutos, que obrigou Vanderlei a se esticar todo para espalmar. Aos 18 minutos, Leandro Donizete foi travado na área e os jogadores pediram pênalti. O árbitro mandou o jogo seguir.

O Coxa errava muitos passes e insistia nos chutões, sem conseguir criar um boas oportunidades. Aos 25 minutos, uma boa jogada armada por Marcos Aurélio, que deixou Hugo na cara do gol. Porém, o atacante do Coxa não conseguiu dominar. Mas na resposta, aos 30 minutos, Eurico arriscou de fora da área, a bola bateu no travessão e dentro do gol, abrindo o placar. Aos 36 minutos, Ângelo tentou o chute cruzado e a bola saiu pela linha de fundo. Mas, aos 43 minutos, após levantamento, Denis, livre, só teve o trabalho de desviar para as redes.

Na segunda etapa, depois da bronca de Ivo Wortmann no intervalo, os jogadores do Coxa começaram tentando mostrar serviço. Aos dois minutos, Renatinho arriscou de fora da área, mas errou a mira. Aos cinco minutos, foi a vez de Rodrigo Mancha testa o goleiro Spada, que ficou com a bola. Porém, a dificuldade de passar pela defesa do Alvinegro era evidente, além da falta de criatividade.

Tentando reverter a situação, Wortmann colocou Pedro Ken no lugar de um volante. Aos 17 minutos, depois de cobrança de falta de Renatinho, confusão na área, a bola bateu na trave e ficou nas mãos de Spada. Aos 23 minutos, Safira cobrou falta na estrada área, mas o jogador do próprio time tirou a direção da bola, que saiu.

O Coritiba não conseguiu melhorar no segundo tempo e, para piorar, os jogadores mostravam cansaço. O Beltrão, por sua vez, administrava a vantagem, que aumentou aos 30 minutos. Safira entrou na área, Vanderlei saiu para abafar, a bola sobrou para Fred, que empurrou para ao fundo das redes. Aos 37 minutos, mancha arriscou mais um chute, novamente sem direção. Aos 42 minutos, no desespero, Dinélson bateu de fora da área, mas isolou.


Jotinha empata mais uma 
Pela quarta vez no Campeonato Paranaense, o J.Malucelli não conseguiu passar de um empate. Desta vez o tropeço foi em casa, diante do Cascavel. Os dois times na conseguiram tirar o zero no placar no eco-estádio Janguito Malucelli e sentirão as consequências na classificação. O Jotinha, com 10 pontos, pode sair do G-8. Já a Serpente deverá passar mais uma rodada na zona de rebaixamento.


Leia mais sobre: Engenheiro Beltrão Coritiba

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias