iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

13/02 - 10:02

Herói do Flu, Fernando Henrique admite que foi infantil

Goleiro cometeu pênalti bobo e quase eliminou o time, mas foi ao ataque e sofreu penalidade no minuto final

Redação iG Esporte

SÃO PAULO – Fernando Henrique não esquecerá tão cedo a partida de quinta-feira contra o Americano. Num intervalo de 12 minutos, o goleiro do Fluminense foi de vilão a herói de forma inusitada: aos 37min do segundo tempo, cometeu pênalti infantil que praticamente tirava o time da briga pela classificação; aos 49min, se redimiu ao sofrer o pênalti da vitória e deixou o Tricolor muito perto da vaga.

O Fluminense vencia por 1 a 0, com um gol de falta de Thiago Neves, quando Fernando Henrique cometeu a penalidade. Numa confusão dentro da área, ele acertou um soco em Éberson e merecia até a expulsão. O goleiro ganhou só cartão amarelo, e o gol de empate, marcado pelo próprio Éberson, ficou barato.

"Fui infantil e admito. Não deveria ter feito o que eu fiz", disse o goleiro tricolor. "Por pouco não prejudiquei ainda mais a minha equipe", completou.

Minutos depois, com a consciência pesada, o Fernando Henrique foi à área adversária tentar se redimir. Não conseguiu, mas se enroscou com um adversário e o árbitro marcou pênalti. Conca cobrou, fez o gol e manteve o Tricolor na briga por uma vaga nas semifinais da Taça Guanabara. E o goleiro se transformou no herói da noite.

"Deus me coroou com o perdão", festejou FH. "Se Ele decidiu assim é porque estou mesmo perdoado. Isso tudo me fortalece, por isso eu quero agradecer minha família, que está sempre ao meu lado, e todo mundo que me apoiou", concluiu.

Apesar da noite festiva, o titular da meta tricolor está fora do jogo decisivo contra o Tigres, domingo. Com três cartões amarelos, Fernando Henrique e o zagueiro Luiz Alberto cumprem suspensão automática.


Leia mais sobre: Fernando Henrique Fluminense

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Fernando Henrique

Fernando Henrique
'Vilão' do Fluminense sofreu pênalti aos 49 do segundo tempo e se transformou em herói

Topo
Contador de notícias