iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/01 - 11:46

Corinthians retoma cautela após goleada
Equipe retomou a tranquilidade de antes agora já na semana em que estreia no Campeonato Paulista

Gazeta Esportiva

ITU - O Corinthians voltou a treinar em Itu (SP) na manhã desta segunda-feira, após golear o Estudiantes, da Argentina, por 5 a 1 no sábado e descansar no domingo. Passada a euforia pelo resultado obtido no Pacaembu, a equipe retomou a cautela na semana em que estreia no Campeonato Paulista.

“A maioria dos nossos adversários também se qualificou. Não se pode colocar o Corinthians acima dos demais por causa de três amistosos”, pediu o lateral-esquerdo André Santos, referindo-se também às vitórias por 4 a 0 e 2 a 0 nos jogos preparatórios com União Barbarense e São José. “Não somos favoritos”, disse.

Autor de dois gols contra o Estudiantes, o atacante Jorge Henrique já avisou que ser artilheiro não é uma característica sua. Ele é mais um corintiano preocupado em não criar muitas expectativas nos torcedores. “O Campeonato Paulista nem começou. Como vamos falar de favoritismo agora?”, perguntou.

Apesar da prudência, é indisfarçável o ânimo dos jogadores após a goleada. Até porque o Corinthians ainda se reforçará no decorrer da competição com o defensor argentino Escudero (que deve ser apresentado nesta semana), com o meia Morais, suspenso pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), com o atacante Dentinho, na seleção brasileira sub-20, e, principalmente, com o já menos robusto Ronaldo.

“O nosso grupo está mesmo muito bom, independentemente dos outros times. Mas o amistoso com o Estudiantes serviu para a gente retomar o contato com a bola. Os três pontos só estarão em jogo a partir de quinta-feira”, reforçou André Santos, mas sem disfarçar o entusiasmo em seguida. “O Corinthians é um time de massa e não vai entrar para disputar nada. Queremos ganhar tudo, até par ou ímpar”, avisou.

O Corinthians fará seu primeiro jogo pelo Campeonato Paulista contra o Barueri, quinta-feira, no Pacaembu.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias