iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/01 - 18:57

Marta vai aos Estados Unidos para atuar na nova liga
Após anos sem um futebol profissional, a terra do ‘Tio Sam’ profissionalizou o soccer para esta temporada

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Após cinco temporadas atuando pela equipe sueca do Umea, a meia-atacante Marta, duas vezes melhor jogadora de futebol do mundo (2006 e 2007), deixará a equipe europeia para uma nova empreitada na carreira. Nesta sexta-feira, o empresário da atleta, Fabiano Farah, confirmou que a alagoana irá defender o Los Angeles Sol, equipe da nova liga profissional norte-americana de futebol feminino.

“Está tudo refletido no acordo feito com o Los Angeles e com a Liga. Estamos acertando os últimos detalhes com os advogados para pegar as assinaturas da Marta amanhã (sábado)”, confirmou Farah.

Marta chega como o principal nome da WPS (Futebol Feminino Profissional) e se mostra interessada em promover a liga a um nível internacional. “Há um bom tempo negociamos com a Liga e com o Los Angeles Sol. Com estes nomes, os americanos querem promover sua liga para ser a mais competitiva do mundo”, afirmou Farah.

Depois de uma gloriosa passagem pelo Umea, da Suécia, a meia-atacante deixa a Escandinávia sem multa rescisória. “O Umea não receberá nada do Los Angeles porque o contrato da Marta era de apenas um ano e se encerrou”, corroborou o empresáio.

Marta já havia recebido propostas para atuar nos Estados Unidos, porém rejeitara todas, declarando não desejar atuar no futebol universitário. Após anos sem um futebol profissional, a terra do ‘Tio Sam’ profissionalizou o soccer para esta temporada. Com a profissionalização, o Los Angeles Sol selecionou Marta no draft local e seduziu a brasileira para atuar nos Estados Unidos.

Restando apenas a assinatura da atleta, Fabiano Farah declara que o anúncio oficial está próximo. “A intenção é anunciar a contratação no prêmio da Fifa, no dia 12”. Marta concorre pelo tricampeonato de melhor jogadora do mundo com a compatriota Cristiane, as alemãs Nadine Angerer e Brigit Prinz (vencedora em 2003, 2004 e 2005) e a inglesa Kelly Smith.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias