iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/12 - 17:29, atualizada às 05:20 07/12

Tentativa de suborno afasta Wagner Tardelli de São Paulo x Goiás
Novo sorteio da CBF designa Jaílson Macedo Freitas para apitar o jogo decisivo no Bezerrão

Redação do iG Esporte com agências

BRASÍLIA - Escalado para apitar a partida que pode definir o Campeonato Brasileiro, entre São Paulo e Goiás, o árbitro Wagner Tardelli foi alvo de tentativa de suborno neste final de semana. A CBF recebeu neste sábado pela manhã uma denúncia de que estava sendo planejada uma tentativa de manipulação do resultado da partida.

Informações não confirmadas revelam que havia dinheiro ou ingressos para o show da Madonna em um envelope direcionado a Wagner Tardelli. O dirigente são-paulino Carlos Caboclo disse à rádio Bandeirantes que ouviu falar no elevador do hotel em Brasília que o árbitro Wagner Tardelli havia passado mal e que não apitaria mais o duelo no Bezerrão. Mas no saguão, soube da versão do suposto suborno.

"Dois ingressos da Madonna custam quanto? Essa não é uma atitude de acordo com a diretoria do São Paulo. O presidente Juvenal tem se resguardado, e resguardado a equipe também, e tenho certeza que isso são boatos que acontecem na véspera. Isso acontecia muito antigamente. Hoje é brincadeira, não existe a possibilidade do São Paulo fazer isso", concluiu Caboclo. 

O presidente da CBF, Ricardo Teixeira, determinou ao presidente da Comissão de Arbitragem, Sérgio Corrêa, que tomasse as providências cabíveis, entre elas a de realizar um novo sorteio para a partida em questão.

Teixeira ainda reiterou a sua mais absoluta confiança no trabalho do árbitro Wagner Tardelli, acrescentando que a determinação de um novo sorteio tem o objetivo de preservar o próprio árbitro e garantir ainda a transparência e o mérito do resultado em campo do jogo Goiás x São Paulo.

Na segunda-feira, o departamento jurídico da entidade tomará as medidas legais cabíveis, em todas as instâncias, para que sejam apurados os fatos e identificados os responsáveis por essa pretensa tentativa de manipulação da partida.

Wagner Tardelli também achou correta a medida tomada pela CBF. "Estou preparado e em condições de apitar o jogo. Mas em função desses acontecimentos, que tenho certeza de que o presidente Ricardo Teixeira vai apurar até o fim, a CBF fez bem em realizar um novo sorteio. Além do que, eu sou o primeiro interessado em que tudo seja devidamente apurado", disse o árbitro ao site da Confederação. 

A Comissão de Arbitragem realizou, na sede da CBF,  extraordinariamente um novo sorteio público para a partida. O sorteio foi acompanhado por diversos jornalistas. O árbitro baiano Jaílson Macedo Freitas foi designado para apitar o jogo decisivo no Bezerrão. Djalma Beltrami, do Rio de Janeiro, era o outro juiz que concorria no sorteio.

*Com Gazeta Esportiva

Leia também:


Leia mais sobre: São Paulo Goiás Wagner Tardelli



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AE/ Orlando Kissner

"Estou preparado"
Wagner Tardelli achou correta a atitude da CBF em tirá-lo do jogo decisivo no Bezerrão

Topo