iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

03/12 - 18:04

Palmeiras pede paciência a Kléber na negociação com Dynamo

"O Kléber sabe que não é uma negociação fácil, que reúne valores altos e precisa de tempo", disse dirigente

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O atacante Kléber está claramente ansioso com a falta de definição de seu futuro. O procurador do atleta, Giuseppe Dioguardi, esteve na Europa na semana passada para conversar com representantes do Dynamo de Kiev, da Ucrânia, mas não trouxe novidades sobre a negociação.

Do lado do Verdão, a ordem é pedir paciência ao Gladiador, um dos destaques do elenco comandado pelo técnico Vanderlei Luxemburgo.

"O Kléber sabe que não é uma negociação fácil, que reúne valores altos e precisa de tempo. Estamos fazendo todos os esforços para manter o jogador", afirmou na tarde desta quarta-feira o gerente de futebol do Palmeiras, Toninho Cecílio.

O Palmeiras trabalha em duas frentes: na possibilidade de reempréstimo e até na chance de comprar os direitos, avaliados em US$ 8 milhões. Toninho Cecílio sabe que a novela vai se arrastar por mais tempo.

"Nenhuma possibilidade está descartada. O Dynamo não fechou as portas de um novo empréstimo e também conversamos com investidores para tentar a compra", confirmou Toninho Cecílio. "Não acredito em uma definição nem na próxima semana", emendou.

Após o fim do Campeonato Brasileiro, Kléber segue ao lado de seu procurador para uma conversa com os dirigentes do Dynamo de Kiev na Europa. O próprio atleta havia declarado nesta semana que a negociação precisava de uma nova estratégia para convencer os dirigentes ucranianos.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo