iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

03/12 - 18:44

Adilson quer mais diálogo com diretoria para seguir no Cruzeiro

Aparentemente, o técnico quer ter a garantia de que será ouvido na montagem do elenco para 2009

Gazeta Esportiva

BELO HORIZONTE - O futuro de Adilson Batista no Cruzeiro está perto de ser definido. O técnico deve se reunir ainda nesta quarta-feira com Zezé Perrella, vice-presidente de futebol e presidente eleito do clube. No encontro serão discutidos os termos de um novo acordo para a próxima temporada.

Segundo o treinador, não é somente a questão financeira que falta ser definida. Adilson Batista, no entanto, é evasivo nas respostas e diz que precisam ser discutidos assuntos que ele considera importantes, sem dizer claramente quais.

Aparentemente, o técnico quer ter a garantia de que será ouvido na montagem do elenco para 2009. “Quem vivencia, quem respira, quem acompanha é o treinador. Tem que existir um diálogo, um respeito, uma aceitação para que a gente se entenda”, argumenta.

Neste ano, a equipe já tem alguns jogadores indicados pelo comandante. Fabrício e Marquinhos Paraná fizeram muito sucesso junto à torcida, mas Henrique não deu a mesma sorte. Contudo, Adilson Batista ressalta que a intenção é ajudar o clube, e não um ou outro atleta.

“Eu quero o bem do clube. Quando a gente indica determinado jogador, é porque a gente acha que este jogador vai acrescentar para o clube. Internamente, está sendo discutido isto para que a gente diminua a margem de erro e o Cruzeiro tenha uma equipe forte”, explica.

Quanto a propostas de outros clubes – como Coritiba e Grêmio –, o treinador ressalta que a preferência é por permanecer em Belo Horizonte. “Sondagens existem, eu não vou negar, mas a prioridade é aqui e a intenção é de permanecer e dar seqüência ao trabalho”, conta o técnico, que não quer que as negociações se arrastem ainda mais. “Eu não sou de acompanhar novela, nem tenho este tempo”, brinca.

Leia mais sobre: Cruzeiro Adilson Batista



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo