iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/12 - 19:07

Denilson espera conversa com Verdão, mas ventila exterior

Dirigentes já iniciaram a conversa com vários atletas para a renovação, mas o pentacampeão mundial segue no aguardo

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O meio-campista Denilson parece não estar entre as prioridades do Palmeiras em 2009. Os dirigentes já iniciaram a conversa com vários atletas para a renovação, mas o pentacampeão mundial segue no aguardo de um contato para a definição de um novo contrato.

Para Denilson, a prioridade é do Palmeiras para continuar no futebol brasileiro. Porém, ele reconhece a chance de acertar com alguma equipe do exterior. Fora do país, o meia já atuou no Betis, da Espanha, Bordeaux, da França, Al-Nasser, da Arábia Saudita, e no Dallas, dos Estados Unidos.

“Se não tiver proposta da Europa, a prioridade é do Palmeiras”, afirmou Denilson. “Quando se trata de renovação de contrato, as duas partes devem ficar contentes, tanto o clube como o jogador. São Paulo é a cidade em que fui criado, onde nasci, o carinho é grande no Palmeiras, seria importante ficar, mas que isso seja uma decisão boa para ambas as partes”, emendou.

Satisfeito com seu desempenho na temporada, Denilson claramente também busca a valorização. No início do ano, aceitou um contrato por produtividade, até porque vinha de passagens apagadas por clubes sem expressão do exterior.

Agora, a realidade é diferente. Denilson quer um vínculo nos mesmos moldes dos outros atletas do Palmeiras, com a possibilidade de receber um salário fixo. “Esse é um dos pontos que seria importante colocar na mesa se tiver um início de conversa com o Palmeiras”, confirmou.

Considerado um reserva de luxo, Denilson aposta que a diretoria do Verdão está satisfeita com seu desempenho, detalhe que facilitaria a permanência no Parque Antártica em 2009. “Acho que o Palmeiras está contente, recebi elogios, acredito que foram sinceros, então estão contentes”, finalizou.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo