iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/12 - 10:36

Merecíamos disputar o titulo até a última rodada, diz Caio Jr
"Mas o campeonato, por um lance, a gente deixa de ganhar”, explicou o treinador

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - O Flamengo liderou o Campeonato Brasileiro com tranqüilidade até o 13ª rodada, quando perdeu a primeira colocação para o Grêmio. Hoje, o time é apenas o quinto colocado, dependendo de uma combinação de resultados até mesmo para garantir uma vaga na Copa Libertadores da América do ano que vem.

Com 64 pontos, o Fla precisa vencer o Atlético-PR fora de casa no próximo domingo, e ainda torcer por tropeços de Palmeiras (que tem 65 pontos e hospedará o Botafogo) ou Cruzeiro (que tem 64 e recebe a Portuguesa). Mas para o técnico Caio Júnior, a situação não reflete os méritos rubro-negros ao longo do Brasileirão.

“Acho que merecíamos disputar o titulo até a última rodada. Contra o Cruzeiro (derrota por 3 a 2), o Juan teve nos pés um lance incrível. Se ganhássemos, estaríamos na briga pelo título ainda. Mas o campeonato, por um lance, a gente deixa de ganhar”, explicou o treinador, que classificou o empate por 3 a 3 deste domingo no Maracanã contra o Goiás – em jogo no qual o Fla chegou a abrir 3 a 0 – como “frustrante”.

Se o sonho de título já ficou para trás, parte do ‘crédito’ pode ser dado à série de sete jogos sem vitórias que o time atravessou a partir da 12ª rodada. Na ocasião, a equipe perdeu para Coritiba (1 a 0), Vitória (1 a 0), Palmeiras (1 a 0), Cruzeiro (2 a 1) e Goiás (2 a 1), e empatou com Portuguesa (2 a 2) e Botafogo (0 a 0). Então, na 18ª rodada, o time já era o sétimo.

Para Caio Júnior, a derrocada flamenguista começou aí. “Quem impediu as chances de titulo foram aqueles sete jogos, em que, desfalcados, conseguimos dois pontos. Foram 19 (pontos) perdidos. Desses 19, sete, oito ou dez seriam uma diferença muito grande. Estaríamos cinco pontos à frente dos outros, e isso faria diferença”, disse o técnico.

Caio terá as voltas de Fábio Luciano e Diego Tardelli na partida contra o Atlético-PR na próxima rodada, quando não poderá contar com três de seus titulares. “Vamos ver, tem que pensar (o time) em cima do Atlético. Perdemos o Ibson, o Kléberson e o Obina. Tem que ter calma agora, a partir de terça-feira”, acrescentou.


Leia mais sobre: Flamengo Caio Júnior Campeonato Brasileiro



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo