iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/11 - 19:10

Grêmio vence, rebaixa Ipatinga e adia definição do campeão

Tricolor gaúcho saiu atrás no placar, mas conseguiu a reação e garantiu sua vaga na Copa Libertadores da América

Gazeta Esportiva

IPATINGA - A decisão do título do Campeonato Brasileiro só sairá na última rodada. Neste domingo, mesmo jogando fora de casa, o Grêmio fez sua parte na disputa e derrotou o Ipatinga por 4 a 1 de virada.

Assim, o time do técnico Celso Roth conseguiu diminuir um pouco mais a diferença que tem para o líder São Paulo e adiar um pouco mais a definição do torneio, que só irá conhecer seu vencedor no próximo final de semana.

O resultado no Vale do Aço garantiu, porém, o Tricolor dos Pampas na Copa Libertadores de 2009. Com 69 pontos, a equipe não pode mais ficar de fora das quatro primeiras colocações do Brasileirão – o Flamengo, que empatou com o Goiás no Maracanã por 3 a 3, é o quinto colocado com 64 pontos. De quebra, o time do Estádio Olímpico ainda se beneficiou do empate por 1 a 1 do São Paulo com o Fluminense, que deixou o time de Muricy Ramalho com 72 pontos.

Mas nem só de festa gremista foi o jogo do Estádio Epaminondas Mendes Brito: o resultado ainda rebaixou matematicamente o Ipatinga, que já vinha agonizando desde o começo do campeonato. Com a derrota, o time do Vale do Aço termina a rodada com 34 pontos, e já não tem chances de ultrapassar o Figueirense – atualmente o 16º colocado com 41, e virtualmente o último dos times a se garantir na Série A do ano que vem.

O Grêmio começou pressionando, mas quem saiu na frente foi o Ipatinga. Logo aos cinco minutos, após cruzamento rasteiro pela direita, a defesa do Grêmio se enrolou e permitiu que a bola sobrasse para Pablo Escobar, que precisou apenas tocar para o gol e abrir o placar. Ainda assim, o Tricolor gaúcho se manteve no ataque, principalmente com Tcheco – o camisa dez cruzou na cabeça de Pereira aos nove e articulou o contra-ataque aos 11, mas sem sucesso em ambas as ocasiões.

Não foi, porém, com Tcheco que o Grêmio chegou ao empate. Aos 13 minutos, após receber passe de Souza, Jean se esticou na esquerda e cruzou pela linha de fundo. Na área, mesmo em meio à marcação, Marcel encontrou espaço e cabeceou para o fundo do gol de Fred, igualando o marcador no Ipatingão. Mais tarde, também de cabeça, Pereira quase conseguiu a virada, mas mandou o cruzamento pela direita por cima do travessão.

Como a estratégia do cruzamento estava dando certo, os gaúchos continuaram apostando – e se deram bem. Aos 24 minutos, quem levantou a bola na área foi Souza, e quem cabeceou foi Jean, que subiu na saída do goleiro Fred e desviou para decretar a virada. Aí, cinco minutos mais tarde, a defesa do Ipatinga errou a saída da bola, permitiu que William Magrão recebesse a bola e tocasse para Marcel, na cara do gol. Resultado: 3 a 1 no Ipatingão.

O Tigre do Vale do Aço ainda tentou reagir no primeiro tempo, mas Ferreira, aos 32; Léo Oliveira, aos 35; e Adeílson, aos 38, não aproveitaram suas oportunidades. Do lado gaúcho, o escanteio cobrado por Souza aos 36 minutos não encontrou a cabeça de nenhum companheiro na área, diferente do que vinha acontecendo até então. Também por cima, Ferreira recebeu a assistência de Pablo Escobar, mas desperdiçou uma chance preciosa para o Ipatinga aos 43 minutos.

Nem mesmo o intervalo, porém, diminuiu o ímpeto do Grêmio, que voltou a balançar as redes logo aos nove minutos da segunda etapa: após mais um levantamento na área, Jean ajeitou de cabeça para o zagueiro Léo, que se aproveitou da indecisão da defesa quadricolor e escorou na direita para fazer o quarto. Abatido, o Ipatinga só voltou a assustar o goleiro Victor aos 21 minutos, em forte chute de Muller da entrada da área – o camisa um do Grêmio, porém, conseguiu se esticar e espalmar para fora o tiro.

Com o destino do Ipatinga já selado em campo, nada mais restava aos dois times aguardar o final da partida, quando o Grêmio saberia se ainda poderia ser campeão ou não. Os mineiros ainda tentaram na base da bola aérea, em escanteio aos 31 que a defesa gremista afastou. Nenhum dos dois times, porém, voltou a cercar os gols adversários.

Rebaixado, o Tigre terá ao menos a chance se despedir da Série A no Maracanã, onde enfrentará o Fluminense no próximo domingo às 17 horas (horário de Brasília). Nos mesmos dia e horário, o Grêmio irá receber o Atlético-MG no Olímpico, decidindo se irá ou não confirmar o título de campeão brasileiro.

FICHA TÉCNICA (Veja como foi o jogo lance a lance)
IPATINGA 1 X 4 GRÊMIO

Local: Estádio Ipatingão, em Ipatinga (MG)
Data: 30 de novembro de 2008, domingo
Horário: 17 horas (horário de Brasília)
Árbitro: Evandro Rogério Roman (Fifa-PR)
Assistentes: Marcos Antônio Collodetti (ES) e Gelson Pimentel Rodrigues (ES)
Cartões amarelos: Paulinho e Pablo Escobar (IPA)
Cartões vermelhos: Silvio (IPA)
Gols: IPATINGA: Pablo Escobar, aos cinco minutos do primeiro tempo. GRÊMIO: Marcel, aos 13 e aos 29, Jean, aos 24 minutos do primeiro tempo, e Léo, aos nove minutos do segundo tempo.

IPATINGA: Fred; Afonso, Patrick, Sílvio e Beto (Anderson); Léo Oliveira, Augusto Recife, Paulinho Dias e Pablo Escobar (Luís Fernando); Adeílson e Ferreira (Muller)
Técnico: Luiz Fernando Flores

GRÊMIO: Victor; Léo, Pereira e Jean; Souza, Felipe Mattioni, Rafael Carioca, William Magrão (Adílson) e Tcheco; Perea (Soares) e Marcel (Helder)
Técnico: Celso Roth


Veja os outros resultados da rodada:


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Agência Estado

gremio

É possível
Grêmio festejou a possibilidade de conquistar o título do Brasileirão na próxima rodada

Topo
Contador de notícias