iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

29/11 - 18:29

Marília vence Ceará, mas é rebaixado e mantém bigode do técnico

Mesmo com a vitória, MAC acabou rebaixado devido à vitória do América-RN sobre o Corinthians

Gazeta Esportiva

MARÍLIA - A irregularidade da campanha do Marília foi punida na última rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Dependendo de uma combinação de resultados para permanecer na segunda divisão nacional, o time do interior paulista conseguiu bater o Ceará por 2 a 1.

A torcida dentro de campo por uma vitória corintiana, porém, foi em vão. O América fez valer o mando de campo, venceu por 2 a 0 em Natal e rebaixou o Tigre.

Mesmo fadado a jogar a Terceirona em 2009, os paulistas devem as esperanças que restaram para continuar na segunda divisão a Bruno Ribeiro. O lateral converteu as duas cobranças de pênalti que originaram os gols, aos 44 minutos do primeiro tempo e aos 46 minutos da etapa final. Já os nordestinos, que não tinham mais pretensões, chegaram a empatar com um gol de Chicão aos 33 do segundo tempo.

Com o resultado, o técnico Gil Alves, conhecido como Búfalo Gil, não teve de cumprir a promessa que fez durante a semana: caso fosse rebaixado, cortaria seu tradicional bigode. Como terá de amargar a Série C, deixou cabisbaixo o banco de reservas do Bento de Abreu.

O jogo – A necessidade de fazer a sua parte, além de torcer por tropeço de América-RN, Fortaleza ou ABC, fez com que o Marília impusesse seu ritmo desde o apito inicial. Diante de um Ceará bem postado na defesa, a alternativa eram as laterais e as jogadas individuais.

Tranqüilos em campo, os nordestinos apostavam no contra-ataque, principalmente com Lúcio. Rápido, o experiente meia-atacante quase fez um belo gol aos 40 minutos da primeira etapa, em chute que raspou a trave. Os donos da casa, porém, eram bem melhores


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo