iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/11 - 13:49

Não treino mais times ameaçados, diz Renato Gaúcho

"Eu não vejo a hora de acabar isso. Nunca mais na minha vida eu pego um time em uma situação dessas"

Agência Estado

RIO DE JANEIRO - O técnico Renato Gaúcho desabafou nesta sexta-feira em São Januário. Pressionado pela situação difícil do Vasco no Brasileirão, ele disse que não aceitará mais convites de times que estejam lutando contra o rebaixamento.

"Eu não vejo a hora de acabar isso. Nunca mais na minha vida eu pego um time em uma situação dessas", afirmou Renato, que assumiu o comando do Vasco com o objetivo de livrar a equipe da queda para a Série B. A duas rodadas do fim do campeonato, ele precisa de uma combinação de resultados para manter o time carioca na elite.

Renato disse, contudo, que não se arrepende de ter aceitado o convite para comandar o Vasco. "Não estou arrependido. Mas se no próximo ano um clube estiver assim e me chamar, eu não pego."

Com 37 pontos, o Vasco está em 18º lugar e já não depende de seus próprios resultados para escapar do rebaixamento. Para manter boas chances, o clube precisa vencer Coritiba e Vitória, e ainda torcer contra rivais como Náutico e Figueirense.

Milton Trajano
Milton Trajano
Charge iG Esporte: Eu uso óculos


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação

Desabafo
Apesar de dizer que não se arrepende de assumir Vasco, Renato não aceitará mais 'roubadas'

Topo