iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

27/11 - 12:36

“Mala branca” não seduz reservas corintianos

Marília e Criciúma estão atrás do América-RN, adversário do Corinthians no próximo sábado

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Um dia depois de o meia Evandro, do Palmeiras, admitir publicamente ter recebido um incentivo extra da diretoria do Goiás para que o Atlético-PR, seu clube à época, se esforçasse mais e tirasse pontos do Corinthians, a “mala branca” voltou novamente à tona. Nesta quinta-feira, o manjado expediente do meio futebolístico foi assunto no último treino do ano do Timão na capital paulista.

Adversário do América-RN na última rodada, o mistão do Alvinegro poderia receber a famosa “mala branca” para vencer os donos da casa e, de quebra, permitir que Marília e Criciúma, atrás dos potiguares na classificação, pudessem evitar a iminente queda para a Série C.

Apesar dos rumores de que o Natal poderia ser mais gordo para aqueles que estarão no gramado do Machadão para encerrar o ano corintiano, os reservas campeões da Série B garantem não saber de nada.

“Até agora não nos foi passado nada a respeito desse assunto e não há o que falar sobre isso”, resumiu o zagueiro Diego, titular da defesa mosqueteira  no final de semana ao lado de William Alves.

Ainda mais incisivo ao falar sobre o assunto foi o atacante Otacílio Neto, outra cara nova da equipe na capital do Rio Grande do Norte. “Mala branca? Não gosto dessas coisas não. Não sei de nada não”, assegurou, meio sem graça.

O América-RN ocupa a 15ª posição na tabela com 43 pontos, um a mais que o Marília, primeiro da zona de rebaixamento. Para escapar da queda, pode até empatar com o Corinthians, desde que o MAC não bata o Ceará e o Fortaleza, também com 42 pontos, não vença o Brasiliense.


Leia mais sobre: Corinthians América-RN mala-branca



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo