iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

26/11 - 19:01

Sem proposta do Timão, Gimnásia pode mudar destino de Herrera

Clube argentino diz que o Corinthians ainda não deu uma resposta sobre a negociação com o atacante

Gazeta Esportiva


BUENOS AIRES (Argentina) - Os dirigentes corintianos vêm repetindo nos últimos dias que resta apenas um empecilho para definir a contratação do argentino Germán Herrera: definir quem pagará os 15% da negociação ao atleta. Mas não é bem isso, conforme a cúpula do Gimnásia y Esgrima de La Plata – detentor de 50% dos direitos econômicos do jogador.

O time do Parque São Jorge sequer enviou uma proposta para o clube argentino.

“Não recebemos oferta alguma pelo Herrera”, sintetizou Fabián Cagliardi, vice-presidente do Gimnásia. “O Corinthians não nos pagou nada ainda e tampouco recebemos uma proposta. Há apenas palavras trocadas por e-mail ou fax, mas nada oficial”, complementou.

O atual campeão da Série B do Campeonato Brasileiro tem prioridade junto ao clube de La Plata até 1º de dezembro para a contratação do atacante argentino, pela quantia de US$ 2,4 milhões. Se nada for feito, qualquer time terá a chance de fechar com o vice-artilheiro do Timão na temporada, com 21 gols (três a menos do que Dentinho).

“Estamos abertos para negociar com o Corinthians, tanto que até baixamos o valor do jogador de US$ 3 milhões para US$ 2,4 mi (R$ 5,5 milhões, em cifras nacionais)”, lembrou Cagliardi. “Mas depois de 1º de dezembro o prazo de prioridade já estará vencido e poderemos negociar com qualquer time. Inclusive já me disseram que tem uma equipe brasileiro interessada, mas não me disseram qual era o clube”, apontou o dirigente.

Herrera tem seus direitos econômicos divididos entre três partes: 50% pertencem ao Gimnásia, 25% ao San Lorenzo e a parcela restante ao empresário Raul Delgado. Na segunda-feira, o diretor de futebol Antônio Carlos declarou que restava ao Timão apenas definir quem pagaria os 15% ao atacante e “não havia mais nada que o Corinthians poderia fazer”.

Nesta quarta foi tentanto o contato com a cúpula corintiana, mas tanto o presidente Andrés Sánchez como o vice de futebol Mário Gobbi como o diretor de futebol Antônio Carlos Zago não atenderam seus telefones.


Leia mais sobre: Corinthians Herrera



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Longe do Parque?
Timão diz que está próximo de ficar com Herrera, mas argentinos desmentem

Topo