iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/11 - 20:00

Jogadores lamentam “erros incomuns” nos gols da Raposa
São falhas que não estamos acostumados a cometer”, lamentou o zagueiro Ronaldo Angelim

Gazeta Esportiva

BELO HORIZONTE - O elenco do Flamengo só teve o que lamentar na saída de campo do Mineirão, após a derrota por 3 a 2 para o Cruzeiro. Isso porque, além de ficar de fora da briga pelo título e ameaçado na luta por vaga na Libertadores, o time ‘entregou’ o resultado através das suas falhas, que não foram perdoadas pelos cruzeirenses.

“No primeiro tempo, só o Cruzeiro jogou. Nós ficamos tentando marcar e não conseguimos criar nada. Já no segundo tempo, o time começou a jogar, mas pagamos pelos nossos erros com a derrota porque falhamos nos dois últimos gols deles”, analisou o zagueiro Ronaldo Angelim.

O defensor viu de camarote os erros que minaram um empate da equipe fora de casa e ainda assumiu a culpa pelo último gol, marcado pelo volante Ramirez, aos 40 minutos do segundo tempo, em bola lançada por Fabrício.

“No primeiro gol, erramos na linha de impedimento. Já no outro foi um lançamento ali para o Ramirez no meio da zaga, ele recebeu a bola nas minhas costas. São falhas que não estamos acostumados a cometer”, complementou o jogador. E os erros não irritaram somente os marcadores do Flamengo: o meia Ibson também deixou o campo reclamando.

“Foi um grande jogo. Dos três gols que tomamos, dois foram falhas nossas e isso não pode acontecer. Paciência, temos que seguir trabalhando”, opinou o mal-humorado meia, que empatou o jogo aos 10 minutos do segundo tempo, mas não conseguiu ajudar o Flamengo a segurar o resultado.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo