iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/11 - 19:10

Grêmio sofre goleada e vê título ficar distante

Tricolor gaúcho deixou o time baiano disparar no placar após ter perdido o zagueiro Amaral, expulso

Gazeta Esportiva

SALVADOR - O Grêmio chegou a saborear a volta à liderança, mas acabou com o amargo gosto de ver o título brasileiro ficar distante. Bem distante. O Tricolor saiu na frente diante do Vitória, mas cedeu a virada no segundo tempo e foi derrotado por 4 a 2 no Barradão neste domingo. O resultado deixa os gaúchos a cinco pontos do São Paulo, líder do Brasileirão. Faltam duas rodadas para o fim do campeonato e os paulistas, que venceram o Vasco, precisam de dois empates de conquistarem o hexa.

Os dois times fizeram uma primeira etapa interessante com diversas oportunidades, mas falharam nas finalizações. Com os pés descalibrados, um gol só poderia sair se fosse contra. Foi o que ocorreu e Anderson Martins colocou o Grêmio na frente. A equipe de Celso Roth foi para o vestiário como líder do torneio, já que Vasco e São Paulo empatavam em São Januário. Porém, os 45 minutos finais não poderiam ser piores para os sulistas.

Tudo ocorreu em efeito dominó. Em um espaço de cinco minutos, o Tricolor Paulista passou à frente e o Vitória empatou com Leandro Domingues. Depois, o gremista Amaral foi expulso. Os baianos tomaram conta do jogo e empilharam gols com Willians, Jackson e Marcelo Cordeiro, este último de bicicleta. Nos acréscimos, Souza cobrando falta descontou. O resultado acabou com um jejum de sete jogos sem vencer do rubro-negro, que garantiu uma vaga na Copa Sul-americana.

Na penúltima rodada o Grêmio enfrenta o Ipatinga, em Minas. O Vitória volta a atuar em casa diante do Palmeiras.

O jogo
O Grêmio quis, desde o início, resolver o jogo. Pressionou os baianos desde o apito inicial. Acossados, os jogadores do Vitória não tinham vergonha em espanar a bola para fora de campo. Com três minutos, os visitantes finalizavam pela primeira vez com Reinaldo batendo de fora da área e Viáfara colocando para escanteio.

A defesa gaúcha neutralizava bem as investidas de Marquinhos. A porta da área gremista estava bem fechada. O Tricolor pressionou até que seu gol saiu aos 25 minutos. Após triangulação entre André Luiz, Marcel e Souza, o último cruzou para área e o zagueiro Anderson Martins colocou contra o seu próprio gol.

Em desvantagem no placar, o time de Vágner Mancini se soltou mais ao ataque e as duas equipes desperdiçaram chances claras de gol. O rubro-negro pressionou incessantemente aos 30 minutos, mas arrematar foi tarefa que ficou distante e colocar a bola na rede impossível. O primeiro tiro baiano veio aos 37 minutos, após cobrança de falta, a defesa gremista ficou estática e Tripodi chutou para Victor salvar. O argentino voltou a desperdiçar oportunidade aos 46 minutos.

Colocar para fora boas oportunidades não era privilégio dos donos da casa. Rafael Carioca, com o gol livre, errou o alvo, e André Luiz, batendo em cima do goleiro, perderam lances claros e levaram o capitão Tcheco a loucura.

No segundo tempo, o Vitória foi devastador. Logo com quatro minutos, Leandro Domingues recebeu livre na área e iniciou o pesadelo gremista. A esta altura o São Paulo já batia o Vasco. Os donos da casa começaram a tocar a bola com passes rápidos, dificultando a marcação.

A situação foi facilitada aos 14 minutos, quando Amaral recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Com um homem a mais em campo, os baianos acharam os espaços necessários para aplicarem um resultado elástico.

Aos 17 minutos, Vanderson cruzou onde deveria estar o expulso Amaral. Na área, Willian tocou para dentro do gol. Na seqüência, foi a vez de Jackson: o ex-colorado bateu no canto de Victor e ampliou. Depois um golaço: de bicicleta Marcelo Cordeiro fez o quarto do Vitória. O Grêmio ainda teve forças para fazer mais um. Nos acréscimos, Souza cobrou falta e diminuiu a vantagem baiana.

FICHA TÉCNICA (Veja como foi o jogo lance a lance)
VITÓRIA 4 X 2 GRÊMIO

Local: Estádio Barradão, em Salvador (BA)
Data: 23 de novembro de 2008, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Héber Roberto Lopes (Fifa/PR)
Assistentes: Gilson Bento Coutinho (PR) e Flávio Gilberto Kanitz (GO)
Cartões amarelos: Renan, Marcelo Cordeiro, Leandro Domingues e Viáfara (Vitória); Amaral e Jean (Grêmio)
Cartão vermelho:
Amaral (Grêmio)

Gols: VITÓRIA: Leandro Domingues, aos 4 minutos, Wilians, aos 17 minutos,  Jackson aos 25 minutos, e Marcelo Cordeiro, aos 29 minutos do segundo tempo
GRÊMIO: Anderson Martins, contra, aos 25 minutos do primeiro tempo; e Souza, aos 46 minutos do segundo tempo

VITÓRIA: Viáfara; Marco Aurélio, Leonardo Silva, Anderson Martins e Marcelo Cordeiro; Vanderson (Walace), Renan, Willians, Leandro Domingues e Marquinhos; Tripodi (Osmar) (Jackson)
Técnico: Vagner Mancini

GRÊMIO: Victor; Amaral, Réver e Héverton; Souza, Rafael Carioca (Paulo Sérgio), William Magrão, Tcheco e Hélder; Reinaldo (André Luiz) e Marcel
Técnico: Celso Roth


Leia também:


Leia mais sobre: Vitória Grêmio



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Agência Estado

Chamou pra dançar
Depois de sentir o gosto de voltar à liderança, o Grêmio passou por um vexame em Salvador

Topo