iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/11 - 20:38

Santos vê novo "show" de Keirrison em goleada do Coritiba

Jovem atacante do time paranaense marcou ao todo sete gols em dois confrontos contra o time da Vila Belmiro e já é o vice-artilheiro do Brasileirão, atrás apenas de Kléber Pereira

Gazeta Esportiva

CURITIBA - No primeiro turno, na vitória do Coritiba sobre o Santos, Keirrison deixou a sua marca, fazendo os três gols do triunfo paranaense. Neste sábado, a história se repetiu.

Os santistas viram o atacante do Coxa dar show e marcar quatro vezes no confronto deste sábado, no Couto Pereira, pela 36° rodada do Campeonato Brasileiro. O placar final marcou 5 a 1 para o clube do Alto da Glória. Ariel Nahuelpan, para os donos da casa, e Molina, para os visitantes, completaram o marcador.

A goleada imposta pelo Coritiba levou a equipe para o sexto lugar na classificação geral. Com o revés em Curitiba, os alvinegros permanecem na 13° posição, com 43 pontos. No domingo, a rodada terá o seu complemento e estas colocações podem ser alteradas. Na próxima rodada, o Alviverde recebe o Vasco, no Couto Pereira. Já o Peixe vai até o Mineirão, onde encara o Atlético-MG. As duas partidas acontecem no próximo domingo, às 17 horas.

Assista aos gols da goleada do Coxa sobre o Peixe!



O Jogo
Com a surpreendente escalação do meia Michael no lugar do atacante Nelson Cuevas, poderia se esperar um Santos mais defensivo e jogando apenas nos contra-ataques. Não foi exatamente o que aconteceu. Recuado, o Alvinegro Praiano procurou encurtar os espaços, apostando no bom posicionamento e, em rápidos contra-ataques, chegou com perigo ao gol alviverde em quatro oportunidades.

Aos 11, Michael roubou a bola da zaga e bateu de direita, para fora. Com 15, Michael recebeu de Kléber e levantou a bola para a área. Bernardi tentou cortar e quase fez contra. Porém, o goleiro Vanderlei estava atento e fez uma boa defesa.

Aos 16, foi a vez de Rodrigo Souto finalizar da entrada da área. Vanderlei deu rebote, mas se recuperou a tempo de evitar que Kléber Pereira abrisse o placar. Com 22, Michael tocou para Molina na grande área. O colombiano escorou de cabeça para a conclusão de Kléber Pereira. No entanto, antes que o centroavante concluísse a jogada, mais uma vez Vanderlei apareceu bem, evitando o gol.

Depois de criar boas chances e ficar bem perto de inaugurar o marcador, o Peixe viu o velho ditado do futebol prevalecer: 'quem não faz, toma'. Aos 26, Marlos desceu pela direita e cruzou na medida para Keirrison. O camisa 9 do Coxa bateu de primeira, sem chances para Fábio Costa, abrindo o placar para a alegria da torcida da casa.

Mesmo com a desvantagem no placar, o Santos não se abalou e continuou partindo para cima do adversário. Com 35, Michael levou perigo ao bater, de perna esquerda, sobre o gol paranaense. Mas a melhor chance para empatar aconteceu na última jogada do primeiro tempo, quando Molina cobrou escanteio fechado e Kléber Pereira desviou a bola que bateu no travessão.

Sem substituições no intervalos, as duas equipes voltaram com vontade de balançar as redes. E foi o que aconteceu. Logo aos dois minutos da etapa complementar, o Coxa roubou a bola no meio-campo e desceu em velocidade até encontrar o lateral Arilton, pela direita. O ala-direito teve tranqüilidade para rolar a bola para Keirrison marcar o seu décimo oitavo gol no Brasileirão.

Procurando dar mais ofensividade ao seu time, o técnico Márcio Fernandes sacou o volante Bida para a entrada do atacante Nelson Cuevas. No minuto seguinte, veio a esperança da reação alvinegra quando Molina tabelou com Kléber Pereira e chutou, de bico, para o gol. A bola ainda bateu na trave antes de entrar.

Só que a reação santista parou por aí. Partindo com tudo para o ataque, o Alvinegro Praiano dava muito espaço para os jogadores do Coritiba trabalharem a bola. E com liberdade, a velocidade dos garotos do Alto da Glória acabou sendo decisiva. Aos 24, Marlos cruzou da direita para Ariel Nahuelpan apenas escorar e fazer o terceiro gol dos donos da casa.

Com o desespero já tomando conta dos atletas do Peixe, o Alviverde aproveitou para encerrar o seu jejum de três jogos sem vitória, através de uma goleada. Arílton sofreu pênalti de Roberto Brum. Na cobrança, aos 29, Keirrison superou Fábio Costa novamente. Pouco depois, com 35, Ricardinho tocou na saída do goleiro alvinegro e antes que a bola entrasse, Keirrison completou para o fundo do gol: este foi o vigésimo gol do vice-artilheiro do Brasileirão.

Satisfeito com a atuação de seu homem-gol, o treinador Dorival Júnior resolveu poupar Keirrison, colocando Henrique Dias em seu lugar. Nos minutos que se seguiram até o final do duelo, o Coritiba passou a valorizar a posse de bola, esperando o apito final do árbitro para confirmar a vitória e a classificação dos paranaenses para próxima edição da Copa Sul-americana.

FICHA TÉCNICA (Veja como foi o jogo lance a lance)
CORITIBA 5 X 1 SANTOS

Local:
Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 22 de novembro de 2008, sábado
Árbitro: Giulliano Bozano (Aspirante Fifa-DF)
Assistentes: Renato Miguel Vieira (DF) e João Patrício de Araújo (GO)
Cartões amarelos: Bernardi e Marlos (Coritiba); Molina e Kléber (Santos)
Gols:
CORITIBA: Keirrison, aos 26 minutos do primeiro tempo; Arial Nahuelpan, aos 24 e Keirrisson, aos 2, 29 (pênalti) e 35 minutos do segundo tempo
SANTOS: Molina, aos 9 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Vanderlei; Arilton (Leandro Donizete), Bernardi, Felipe e Ricardinho; Rodrigo Mancha, Alê, Carlinhos Paraíba e Marlos; Keirrison (Henrique Dias) e Ariel Nahuelpan (Guarú)
Técnico: Dorival Júnior

SANTOS: Fábio Costa; Wendel (Pará), Domingos, Adaílton e Kléber; Roberto Brum, Rodrigo Souto, Bida (Nelson Cuevas), Michael (Adriano) e Molina; Kléber Pereira
Técnico: Márcio Fernandes


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Depois do jejum...
Keirrison ficou sete jogos sem balançar as redes, mas voltou com tudo

Topo