iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

22/11 - 22:09

Palmeiras encara Ipatinga e caldeirão interno para voltar ao G-4

Recuperar a confiança de sua torcida e voltar à zona de classificação para a Libertadores-09 são objetivos do Verdão

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Na teoria, enfrentar o lanterna do Campeonato Brasileiro, o Ipatinga, seria uma missão simples. Mas o Palmeiras vai entrar em campo neste domingo, às 19h10 (de Brasília), no Parque Antártica, com dois objetivos principais: recuperar a confiança de sua torcida e voltar à zona de classificação para a Libertadores-09.

Ao Ipatinga, o jogo também é fundamental. Uma derrota deixa equipe mineira praticamente rebaixada. Além disso, o caçula da Série A enfrenta um tabu: não conseguiu sequer uma vitória como visitante na competição nacional.

Contudo, o Palmeiras está ciente de sua queda de rendimento nas últimas rodadas e evita contar vantagem sobre o lanterna. “Eles (Ipatinga) estão brigando para não cair, vai ser muito difícil, não é porque não conseguiram ganhar fora que vamos achar que será fácil”, afirma o zagueiro Roque Júnior, um dos nomes mais criticados após a goleada sofrida contra o Flamengo.

O abatimento foi o grande companheiro de elenco e comissão técnica do Palmeiras durante a semana. A polêmica envolvendo o técnico Vanderlei Luxemburgo e um grupo de torcedores refletiu no trabalho no Parque Antártica. Agora, a palavra de ordem no campeão paulista é superação.

“Temos que tentar esquecer o que aconteceu nas últimas semanas e pensar na possibilidade de conquistar essa vaga na Libertadores. No domingo, vamos colocar em prática o nosso jogo, dar tudo pelo resultado positivo”, decreta Roque Júnior.

No momento de decisão, a cobrança costuma aumentar sobre os grandes jogadores. Ídolo da torcida mesmo em pouco tempo de clube, o atacante Kléber promete novamente chamar a responsabilidade, como aconteceu diante do Flamengo, quando sofreu um pênalti e marcou um gol.

“A gente sabe da grandeza do Palmeiras. Outro dia, vi uma entrevista do Evair falando que a torcida daqui é diferente mesmo. Eu joguei no São Paulo e estou constatando isso. Lá, quando as coisas não vão bem, parece que é mais tranqüilo”, compara o Gladiador.

Na escalação, Luxemburgo promete novamente impor a tática do mistério. O certo é que, na zaga, Gustavo está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O jovem Maurício já foi confirmado como substituto para jogar ao lado de Roque Júnior e Martinez.

No Ipatinga, a ordem é tentar aproveitar as cobranças que serão feitas contra o Palmeiras para sonhar com uma surpresa. “Será um jogo difícil. A equipe do Palmeiras vem de dois resultados que não favoráveis e a exemplo de nós, será um jogo decisivo para eles também”, lembra o volante Júlio.

Como Luxemburgo, o técnico Éderson Moreira realizou uma série de testes na escalação do Ipatinga. A boa notícia é a volta do meia-atacante Adeílson, principal destaque mineiro na competição. Já o zagueiro Leo Oliveira cumpre o segundo jogo de suspensão imposto pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X IPATINGA

Local: Estádio Parque Antártica, em São Paulo (SP)
Data: 23 de novembro 2008, domingo
Horário: 19h10 (horário de Brasília)
Árbitro: Arilson Bispo da Anunciação (BA)
Assistentes: Belmiro da Silva e Raimundo Carneiro de Oliveira (ambos BA)

PALMEIRAS: Marcos; Maurício, Roque Júnior e Martinez; Fabinho Capixaba, Jumar, Pierre, Diego Souza e Leandro; Kléber e Alex Mineiro
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

IPATINGA: Fernando; Patrick, Silvio e Gian; Márcio Gabriel, Júlio, Augusto Recife, Leandro Salino e Baroni; Adeílson e Ferreira.
Técnico: Éderson Moreira


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias