iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

21/11 - 14:42

Fernandes está confiante em acerto após vaga na Sul-americana
"Presidente me passou toda a tranqüilidade para que eu continue trabalhando e garantiu que a sua idéia é a nossa continuação em 2009"

 

Gazeta Esportiva

SANTOS - Após a vitória sobre o Internacional, no último domingo, na Vila Belmiro, o técnico Márcio Fernandes fez um desabafo sobre a sua situação no Santos. Questionado em quase todas as entrevistas que participa sobre a sua permanência ou não no clube para 2009, o treinador mostrou nesta sexta-feira estar mais tranqüilo com relação a esse assunto.

Fernandes revelou ter se reunido com o presidente Marcelo Teixeira durante a semana e recebeu total respaldo do mandatário santista para a continuidade do seu trabalho.

Segundo o comandante alvinegro, Teixeira lhe garantiu na última quarta-feira, quando ambos se reuniram no CT Rei Pelé, que a sua situação será resolvida em breve. "Na reunião que tivemos essa semana, o presidente me passou toda a tranqüilidade para que eu continue trabalhando e garantiu que a sua idéia é a nossa continuação em 2009", resumiu Fernandes.

Com a promessa do dirigente de que assim que o clube estiver matematicamente livre da ameaça de rebaixamento e classificado para a Sul-americana, ambos irão sentar e discutir a renovação do seu vínculo, Márcio Fernandes aproveitou a oportunidade para agradecer o apoio dos jogadores. "O Adaílton me deixou feliz com o que ele disse essa semana. Os outros atletas também vêm se manifestando a nosso favor e um apoio desse nível nos deixa com bastante confiança para continuarmos trabalhando com seriedade. Isso mostra que estamos no caminho certo", comentou.

Para Márcio Fernandes, mesmo com o seu futuro indefinido, ele procura esquecer o seu problema contratual, apesar de demonstrar o seu descontentamento com as notícias que dão conta do interesse do Santos em outros profissionais para o seu cargo. "É difícil você falar em tranqüilidade quando após uma vitória, você ouve pessoas falando que a diretoria está procurando um novo treinador. Mas procuro não ligar muito para isso. Estou calmo e com a cabeça voltada para o clube. Pegamos a equipe numa situação em que muitos recusaram porque achavam que o time ia cair e nos recuperamos a tempo de buscar uma vaga na Sul-americana", encerrou.


Leia mais sobre: Márcio Fernandes Santos



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo