iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

21/11 - 22:52

Brasiliense luta pela sobrevida; Vila Nova, pela elite
Os donos da casa precisam da vitória para garantir matematicamente a permanência na Série B

Gazeta Esportiva

TAGUATINGA - O duelo deste sábado entre Brasiliense e Vila Nova (GO), às 16h20, na Boca do Jacaré, colocará frente a frente duas equipes atrás de um último respiro por objetivos opostos: os donos da casa precisam da vitória para garantir matematicamente a permanência na Série B Nacional em 2009. Já os goianos não podem pensar sequer em empatar se quiserem continuar sonhando com a única vaga restante à elite da próxima temporada.

No Brasiliense, o técnico Reinaldo Gueldini ainda não definiu quem será o substituto do volante Juninho, expulso no último jogo do Jacaré: Bidu ou Jardel, este com características mais semelhantes ao titular.

Na armação das jogadas, diante de todas as reclamações que fez ao ser substituído diante do Juventude, o experiente meia Iranildo, ex-Flamengo e Botafogo, fica de fora. Em seu lugar entra Adrianinho, já que Marcinho, que poderia exercer sua função, também está suspenso pelo terceiro amarelo.

O atacante Jóbson, que deixou a partida contra o Juventude reclamando de dores na coxa esquerda, foi poupado em alguns treinos da semana mas tem presença assegurada na linha de frente do time candango.

O técnico Reinaldo Gueldini está preocupado com o jejum de três partidas sem vitória de seu time, mas otimista pelo poder de recuperação apresentado diante do Juventude, quando saiu perdendo por 2 a 0 e alcançou o empate.

“Nós nos esforçamos e buscamos o empate. Meu grupo está de parabéns e agora vamos nos arrumar, pois esse é nosso último jogo em casa e temos que vencer”, ordenou.

Missão impossível? Depois de figurar no G-4 da competição durante boa parte do ano, o Vila Nova caiu de produção e, neste sábado, entrará em campo para tentar manter acesa a chama da quase impossível missão de ficar com a última vaga para a Série A nacional.

Com 55 pontos na tabela, os goianos precisam vencer os dois jogos que restam e torcer para que o Bragantino, com 57, perca ao menos um e que o Barueri, com 60, não pontue mais até o término da competição.

Mesmo consciente de que a combinação de resultados é improvável, o técnico Givanildo Oliveira prometeu não esmorecer. “A classificação ficou muito difícil, mas temos a obrigação de fechar bem a temporada, se possível com duas vitórias”, avisou o treinador.

Givanildo tem esperança em poder contar com o retorno do atacante Wando à equipe para se manter na luta pela última vaga à Série A. O jogador está afastado dos gramados desde o dia 30 de setembro, quando a equipe goiana, ainda entre as melhores da competição, foi derrotada pelo Paraná Clube.

O retorno do jogador deverá ser facilitado pela ausência do goleador Túlio. O artilheiro da Série B não atravessa boa fase e deve iniciar o jogo contra o Brasiliense no banco de reservas. Alex Oliveira, outro veterano da equipe goiana, também assistirá ao duelo do banco.

Os volantes Reinaldo e Guilherme, que cumpriram suspensão automática na última rodada, estão à disposição de Givanildo e podem retornar ao meio-campo para ajudar o Vila Nova a buscar uma importante vitória na Boca do Jacaré.

FICHA TÉCNICA:
BRASILIENSE-DF X VILA NOVA-GO

Local: Estádio Boca do Jacaré, em Taguatinga (DF)
Data: 22 de novembro de 2008 (sábado)
Horário: 16h20 (de Brasília)
Árbitro: Maurício Aparecido de Siqueira (MT)
Assistentes: Fábio Rodrigo Rubinho (MT) e Lincoln Ribeiro Taques (MT)

BRASILIENSE: Guto; Patrick, Fábio Braz, Aílson e Edinho; Bidu, Jardel, Coquinho e Adrianinho; Jóbson e Diogo
Técnico: Reinaldo Gueldini

VILA NOVA: Max; Valença, Carlinhos e Kléber; Osmar, Alisson (Reinaldo), Heleno, Amaral (Guilherme) e Fernandinho; Pedro Júnior e Wando
Técnico: Givanildo Oliveira


Leia mais sobre: Brasiliense Vila Nova Série B



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo