iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/11 - 13:46

Santos pode ser denunciado à Fifa por negociação de Carleto
Carleto teria sido negociado por R$ 500 mil com o Valencia, da Espanha, mas diretoria do clube teria voltado atrás

 

Gazeta Esportiva

SANTOS - A 'novela' envolvendo a transferência do lateral Thiago Carleto, revelado nas categorias de base do Santos, pode ganhar um novo capítulo. O Peixe está envolvido em mais uma negociação confusa que pode chegar à Fifa, pois Carleto teria sido negociado por R$ 500 mil com o Valencia, da Espanha.

Veja todos os dados e estatísticas do jogador Thiago Carleto no sistema de fichas do iG Esporte.

Houve troca de documentação, mas no momento em que o time europeu tentou fazer o pagamento através de depósito bancário, foi desautorizado pelo departamento de futebol do clube.

Pretendido por algumas equipes do futebol italiano, o jogador estava acertado com o Valencia, mas no momento da assinatura do depósito dos espanhóis, a diretoria santista teria voltado atrás. Pelo menos é o que diz o ex-diretor de futebol do Alvinegro Praiano, Francisco Lopes.

“O José Prunes Herancia (dirigente credenciado pelo Valencia) e a Luzia Palma, sua representante no Brasil, foram as pessoas que acertaram a contratação de Carleto. Só que na sexta-feira passada, não sei com que autoridade esse cidadão (Adílson Durante Filho) – que nem diretor ainda é porque não teve o nome homologado pelo Conselho Deliberativo – travou as negociações”, desabafou.

A revolta de Lopes aconteceu após a notícia de que o atleta estaria sendo adquirido por um grupo de empresários e seria registrado num clube pequeno para depois ser negociado com a Europa. A negociação seria feita na reabertura da janela para transferências internacionais, em janeiro.

No entanto, o ex-dirigente garante que o Valencia tem um documento assinado pelo último diretor de futebol do Santos, Luiz Antônio Ruas Capella, em 15 de outubro, concordando com a proposta espanhola e autorizando-o a negociar com o jogador. “Esse documento será enviado à Fifa e o Carleto ficará impedido de se transferir para outro time”, ameaçou.

Adilson Durante Filho, atual responsável pelo departamento de futebol profissional santista e alvo da ira de Francisco Lopes, defende-se das acusações alegando que o Alvinegro Praiano está esperando que o procurador do ala-esquerdo, José Carlos Gerônimo Pires, cumpra o acordo. “Temos a palavra do procurador de Carleto, de que até o dia 25 será depositado em nome do Santos um valor que não podemos revelar. Como também não sabemos para onde o jogador irá”, contou.

Após a última reunião, Pires afirmou que houve um acordo para o clube liberar o jogador mediante o depósito de € 500 mil (pouco menos de R$ 1,5 milhão) até o dia 15 deste mês. O Palermo, da Itália, se encarregaria de fazer o pagamento.

O procurador confirmou o novo prazo, mas se negou a falar de valores e qual deverá ser o novo clube de Carleto. Para preservar seus direitos, o Santos registrou um contrato de gaveta, que Carleto não reconhece legalmente, no dia 25 de outubro passado e que vai até 24 de outubro de 2010.


Leia mais sobre: Thiago Carleto Santos Valencia

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação

thiago carleto

Peixe com problemas
Thiago Carleto estava acertado com o Valencia, mas o Santos voltou atrás na negociação

Topo
Contador de notícias