iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/11 - 09:50

Técnico apóia Gomes, mas Tottenham demite treinador de goleiros

"Acredito nele, e quero que acreditemos nele”, afirmou Redknapp

Gazeta Esportiva

LONDRES (Inglaterra) - Vai de mal a pior a situação de Gomes no Tottenham Hotspur. Contratado no meio do ano junto ao PSV Eindhoven, o goleiro brasileiro tem sido o protagonista de uma série de falhas defensivas na equipe londrina, o que tem tirado a paciência da torcida.

A última delas aconteceu no final de semana, na derrota dos Spurs por 2 a 1 para o Fulham em Craven Cottage. No entanto, o técnico Harry Redknapp deu ao ex-cruzeirense mais um voto de confiança, e descartou substituí-lo por seus reservas imediatos, o jovem Ben Alnwick ou o experiente Cesar Sanchez.

“Ele é nosso goleiro titular e será mantido. Confiamos bastante em Gomes. Acredito nele, e quero que acreditemos nele”, afirmou Redknapp, que promete manter o brasileiro no time titular do Tottenham que enfrenta o Blackburn Rovers neste final de semana pelo Campeonato Inglês.

“É claro que ele está decepcionado com seu final de semana, mas seu histórico mostra que ele é um dos melhores goleiros do mundo. É sua chance de dar o troco e superar seu desempenho do final de semana. Tenho certeza de que ele fará isso. Ele é uma personalidade forte. Agora, está nas mãos dele”, completou o treinador.

Apesar da confiança de Harry Redknapp, cujo time sofreu 20 gols em 13 jogos pela Premier League, o Tottenham poderia trazer o italiano Carlo Cudicini, do Chelsea, para reforçar seu gol a partir de janeiro. Boato ou não, o clube já começou sua reformulação no setor, demitindo seu treinador de goleiros nesta terça-feira.

Aos 35 anos, o austríaco Hans Leitert foi considerado um dos culpados pelos gols sofridos pela equipe londrina. “Devemos agradecer a ele por sua contribuição e desejarmos tudo de bom para ele. Nos próximos dias, devemos anunciar um novo ocupante para o cargo”, comunicou o Tottenham.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo