iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

17/11 - 18:56

Técnico santista admite que ainda existe risco de queda
Segundo os cálculos do matemático Tristão Garcia, a vitória na Vila Belmiro, conquistada com muita dificuldade, diminuiu de 7 para 1% o risco de rebaixamento do Santos

Agência Estado

SANTOS - O técnico Márcio Fernandes evita a qualquer custo falar em rebaixamento, mas chegou a admitir nesta segunda-feira que o time do Santos ainda corre risco de queda à Série B. Com 43 pontos somados após a vitória deste domingo sobre o Internacional, por 1 a 0, a equipe santista atingiu a pontuação que antes era considerada suficiente para se livrar do descenso.

Atualmente, porém, isso não é mais garantido, como afirma o próprio técnico do Santos. "Pode até acontecer de, com combinações de resultados dos outros clubes, 43 pontos já ser o bastante", disse Márcio Fernandes. "Mas não podemos descuidar. É preciso pensar em atingir a maior pontuação possível. Essa é a nossa maior segurança."

Segundo os cálculos do matemático Tristão Garcia, a vitória na Vila Belmiro, conquistada com muita dificuldade, diminuiu de 7 para 1% o risco de rebaixamento do Santos. A equipe aparece agora na 13.ª posição, e vai garantindo uma vaga à Copa Sul-Americana de 2009, graças ao posicionamento do Sport, que não participa da competição por estar classificado para a próxima Libertadores.

REFORÇOS E UM POSSÍVEL DESFALQUE - Para a próxima rodada do Brasileirão, na qual o Santos enfrenta o Coritiba fora de casa, no sábado, Márcio Fernandes terá os retornos do goleiro Fábio Costa e do volante Rodrigo Souto. Ambos cumpriram suspensão neste domingo.

Por outro lado, é provável que o treinador não possa contar com o atacante Kléber Pereira nas últimas duas rodadas, contra o Atlético-MG, fora, e o Náutico, na Vila. O artilheiro da competição, com 21 gols, será julgado na próxima segunda-feira no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), e pode pegar até seis jogos de suspensão.

Kléber Pereira foi denunciado nesta segunda-feira no artigo 252 (ofender moralmente o árbitro o seus auxiliares) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, por insinuar que o árbitro Elmo Alves Resende Cunha teria beneficiado o Vasco na vitória do time carioca sobre o Santos, por 1 a 0, no último dia 8.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo