iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

17/11 - 10:16

Muricy revela "ajuda" de rival para Borges jogar no Tricolor

Corinthians tentou contratar o atacante, o que fez com que a diretoria agisse mais rápido

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O técnico Muricy Ramalho sempre afirma que foi o responsável pela aposta na contratação de Borges pelo São Paulo, no ano passado. Agora, com o atacante atravessando uma excelente fase, o treinador contou os detalhes da negociação para trazer o atleta ao Morumbi e revelou a ‘ajuda’ que o rival Corinthians deu para que a diretoria são-paulina se convencesse da necessidade de contratá-lo.

“O Borges é uma aposta que tivemos. Quando ele veio de Goiás, não deram muita bola para ele no São Caetano. Por isso, eu o indiquei para outra pessoa e ele foi para o União São João, onde fez gols. Depois, também fez gols no Paraná e no Japão. Eu insisti um pouquinho no São Paulo também para contratá-lo. Estava um pouco difícil, mas, quando ficaram sabendo na última hora que o Corinthians também queria, eles (dirigentes) acreditaram em mim”, ironizou.

Muricy Ramalho já havia trabalhado com Borges no São Caetano, em 2004, depois de o jogador se destacar pela Jataiense, de Goiás. No início do ano passado, o treinador conseguiu convencer a diretoria do São Paulo a acertar com o atacante, que estava no Vegalta Sendai.

Neste Brasileirão, o jogador está em excelente fase com a camisa tricolor. Autor de cinco gols nos últimos dois jogos, Borges é o artilheiro do Tricolor no campeonato, com 14 bolas nas redes. No domingo, no Morumbi, ele foi o autor de dois dos três gols da equipe na vitória por 3 a 1 sobre o Figueirense.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação

Artilheiro são-paulino
Borges marcou dois dos três gols do Tricolor na vitória de domingo sobre o Figueira

Topo