iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

17/11 - 13:56

Ausência de camisa 10 não preocupa Diego Maradona

Messi, Riquelme e Verón não puderam ser convocados e Ángel Di Maria sofreu contusão, sendo cortado

Agência Estado

BUENOS AIRES (Argentina) - Enquanto jogou pela seleção argentina, Diego Maradona sempre foi sinônimo de camisa 10. Seria natural, portanto, que a equipe do país, agora dirigida por ele, também tivesse um autêntico meia-atacante, capaz de criar e empolgar a torcida com jogadas de habilidade.

No entanto, em sua estréia, nesta quarta-feira, contra a Escócia, fora de casa, o número místico não deverá estar em campo. Riquelme, Messi e Verón não puderam ser convocados.

Por conta de um pedido do Boca Juniors, o craque Juan Román Riquelme, preferido do ex-jogador para atuar com a 10, não foi convocado. Isso porque o Boca está na briga pelo título do torneio Apertura do Campeonato Argentino e o meia é considerado fundamental nos jogos finais.

Lionel Messi seria a opção natural para a vaga de Riquelme. Mas o jogador do Barcelona não foi chamado por um acordo entre a Associação de Futebol Argentino (AFA) e o clube espanhol. Mesmo assim, o agora técnico Maradona não vê problemas com os desfalques.

"Não podemos ficar parados, com os braços cruzados, só porque não poderemos contar com Riquelme ou Messi. Temos que procurar por variedade, por opções, e sabemos que temos tudo isso", disse, em sua chegada a Glasgow. "Mesmo sem eles, jogaremos para vencer a Escócia", afirmou.

Uma terceira possibilidade na armação das jogadas seria o veterano Verón, que também não pôde ser chamado. O Estudiantes está na semifinal da Copa Sul-Americana e uma convocação atrapalharia os planos do clube argentino.

Além das ausências desses três jogadores, o jovem Ángel Di Maria, destaque da seleção medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim, sofreu uma contusão em partida do Benfica e teve de ser cortado.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo