iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

17/11 - 15:51

Asprilla desculpa Kléber, mas diz: “Cotovelada foi por querer'
Denunciado através das imagens da televisão, Kléber já foi absolvido no primeiro julgamento no STJD

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Além de administrar todas as polêmicas internas, o Palmeiras tem mais um desafio nesta semana: o atacante Kléber será novamente julgado no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) pela cotovelada no zagueiro Asprilla, no empate do dia 8 de outubro na capital catarinense. A situação do representante alviverde pode ficar mais complicada depois das declarações do defensor neste domingo.

Ao termino do jogo contra o São Paulo, Asprilla foi novamente perguntado sobre o lance e considerou proposital a atitude de Kléber. “Eu acho que a cotovelada foi por querer”, disse o defensor do Figueirense, ainda no gramado do Morumbi.

Porém, como já tinha feito anteriormente, Asprilla evitou prolongar a polêmica até para manter um clima ameno nos próximos encontros com Kléber. “Na hora, ele pediu desculpas. Temos que desculpar, quem sabe a gente pode jogar juntos no futuro”, explicou o atleta.

Denunciado através das imagens da televisão, Kléber já foi absolvido no primeiro julgamento na capital carioca. Porém, a procuradoria do STJD ficou insatisfeita com o resultado e recorreu. O novo julgamento acontece na quarta-feira.

No momento do lance, o árbitro gaúcho Leonardo Gaciba considerou a falta como normal e aplicou apenas o cartão amarelo ao atacante do Palmeiras.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo