iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/11 - 22:10, atualizada às 12:42 17/11

Muricy: “O São Paulo cresceu na hora certa”

"Às vezes, um time oscila muito, mas, quando definimos o elenco, o time encaixou porque a conversa e a cobrança funcionaram”, disse o treinador

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O São Paulo oscilou durante a maior parte deste Campeonato Brasileiro, mas emplacou uma arrancada com cinco vitórias consecutivas nesta reta final e está próximo de assegurar mais um título nacional. Na liderança isolada do Nacional, o técnico Muricy Ramalho acredita que sua equipe conseguiu atingir um bom futebol no momento certo.

“Temos um time que cresceu na hora certa. Às vezes, um time oscila muito, mas, quando definimos o elenco, o time encaixou porque a conversa e a cobrança funcionaram”, afirmou.

Restando apenas três rodadas para o término do Brasileirão, o Tricolor depende de suas próprias forças para ser campeão. Para conter a ansiedade antes do próximo jogo, contra o Vasco, o treinador fará seu elenco trabalhar bastante no CT da Barra Funda.

São Paulo comenta a vitória contra o Figueirense; veja


“Só há uma maneira de diminuir a ansiedade, que é se preparar muito bem durante a semana. Qualquer pessoa que vai trabalhar em uma grande empresa tem ansiedade, mas se estiver bem preparada isso diminui”, comentou.

O São Paulo possui 68 pontos neste Brasileirão, enquanto o vice-líder Grêmio tem 66. Com a disputa acirrada com os gaúchos, o treinador prega cuidado para a próxima rodada.

“Contra a Portuguesa, foi um jogo decisivo e hoje (domingo) também foi. Para nós e para o Grêmio, será muito duro na próxima rodada. Temos de ganhar nosso jogo porque, se ganharmos os três que faltam, seremos campeões”, finalizou.

Enquanto o Tricolor enfrentará o Vasco fora de casa, o Grêmio duelará com o Vitória, no Barradão.


Leia mais sobre: São Paulo Brasileirão

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

são paulo

Morumbi é só alegria
Com mais uma vitória em casa, São Paulo colocou de vez uma mão na taça do Brasileirão

Topo
Contador de notícias