iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/11 - 21:10

Grêmio vence o Coritiba e segue a dois pontos da liderança

Equipe não sentiu a pressão após a vitória do São Paulo sobre o Figueirense e bateu o Coxa por 2 a 1

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - O Grêmio continua a dois pontos da liderança do Campeonato Brasileiro. Neste domingo, horas depois de o São Paulo derrotar o Figueirense, o Tricolor gaúcho venceu o Coritiba por 2 a 1 (gols de Tcheco e Héverton; Ariel Nahuelpan descontou), no estádio Olímpico, e manteve-se no segundo lugar na tabela de classificação.

O São Paulo soma 68 pontos ganhos agora, contra 66 do Grêmio. Atrás, estão Flamengo, com 63, Cruzeiro e Palmeiras, ambos com 61. Na antepenúltima rodada do Brasileirão, o Grêmio visitará o Vitória no domingo. Já o Coritiba, que jogou pela primeira vez após o técnico Dorival Júnior anunciar que não renovará contrato, receberá o Santos um dia antes.

Assista aos gols da partida

O jogo – O Grêmio entrou em campo ciente de que se afastaria do líder São Paulo (e, pior, perderia a segunda colocação para o Flamengo) caso não vencesse o Coritiba. Nada que influenciasse a disposição de seus jogadores. “Falar isso é um pouco ridículo”, desabafou o meia Tcheco.

Independentemente do que havia acontecido no início da rodada, já sobravam motivos para animar o Grêmio. Como de costume no Campeonato Brasileiro, o estádio Olímpico estava lotado. E, ao seu estilo, bem postado na defesa e objetivo no ataque, o time gaúcho tentou pressionar o Coritiba no início da partida. Seguiram-se chutes de fora da área.

Aos 28 minutos, finalmente os gremistas puderam descer as arquibancadas do Olímpico em “avalanche”. Na mais despretensiosa de suas tentativas de longe, fazendo lembrar o gol marcado contra o Palmeiras, Tcheco contou com um desvio da bola em Rodrigo Mancha para enganar o goleiro Vanderlei: 1 a 0.

Com a certeza de que não terá Dorival Júnior como comandante em 2009, o Coritiba tentou se reorganizar com o auxílio dos gritos do treinador. A exemplo do Grêmio, a estratégia, em muitos momentos, foi furar a marcação adversária com finalizações de longa distância. O atacante Keirrison se movimentava bastante, mas pouco recebia a bola.

Logo no início do segundo tempo, porém, a equipe que voltou a assustar foi a mandante. Reinaldo assustou o Coritiba por duas vezes através de jogadas individuais e chutes de fora da área. Chegando de trás, Rafael Carioca se tornou mais uma boa opção ofensiva do Grêmio.

Para mudar o panorama da partida, Dorival Júnior fez duas alterações simultâneas no Coritiba. Carlinhos Paraíba e Ariel Nahuelpan substituíram Leandro Donizete e Keirrison. Celso Roth respondeu também com duas alterações, trocando Reinaldo e Marcel por André Luís e Richard Morales.

Com as novas formações, o Grêmio levou a melhor. Aos 30 minutos, Héverton recebeu passe de calcanhar de Rever, avançou pela linha de fundo pela esquerda e chutou cruzado. A bola desviou em Alê e entrou: 2 a 0. O Tricolor gaúcho encontrou ainda mais tranqüilidade em campo quando, pouco depois, Marcos Tamandaré foi expulso ao desferir cotovelada em Tcheco.

Já nos acréscimos, porém, Ariel Nahuelpan aproveitou rebote do goleiro Victor para descontar. O gol do Coritiba não diminuiu a festa da torcida gremista no estádio Olímpico.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 2 X 1 CORITIBA
  (Veja como foi o jogo lance a lance)

Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre (RS)
Data: 16 de novembro de 2008, domingo
Horário: 19h10 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ)
Assistentes: ManDilbert Pedrosa Moisés e Hilton Moutinho Rodrigues (ambos da Fifa e do RJ)
Cartões amarelos: Adílson (Grêmio); Hugo, Maurício, Leandro Donizete (Coritiba) Cartão vermelho: Marcos Tamandaré (Coritiba)
Gols: GRÊMIO: Tcheco, aos 28 minutos do primeiro tempo, e Héverton, aos 30 minutos do segundo tempo; CORITIBA: Ariel Nahuelpan, aos 46 minutos do segundo tempo

GRÊMIO: Victor; Amaral, Réver e Héverton; Souza, Rafael Carioca (Adílson), William Magrão, Tcheco e Hélder; Reinaldo (André Luís) e Marcel (Richard Morales)
Técnico: Celso Roth

CORITIBA: Vanderlei; Marcos Tamandaré, Maurício, Felipe e Ricardinho; Rodrigo Mancha, Alê, Leandro Donizete (Carlinhos Paraíba) e Marlos; Keirrison (Ariel Nahuelpan) e Hugo (Jaílson)
Técnico: Dorival Junior


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Agência Estado

Na cola do líder
Tcheco fez o primeiro gol do Grêmio diante do Coritiba

Topo