iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/11 - 21:10

Furacão vira sobre Vitória e continua fuga do rebaixamento
Com gols de Rafael Moura e Alan Bahia, o Atlético reverteu o placar e abriu quatro pontos para a zona da degola

Gazeta Esportiva

CURITIBA - O Atlético Paranaense virou pra cima do Vitória e venceu por 2 a 1 na Arena da Baixada, dando mais um passo importante para fugir de vez do risco de rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro. Com o resultado o Furacão chegou aos 41 pontos ganhos, quatro a mais do que o Vasco, primeiro da zona da degola, faltando apenas nove pontos pra serem disputados.

Veja os gols da partida

O time da casa começou tocando mais a bola, tentado para passar pela forte marcação do Leão, que truncava o jogo com faltas. Aos quatro minutos, Ferreira tentou encobrir o goleiro Gléguer com um toque e cabeça, mas o camisa 1 baiano se recuperou para ceder escanteio. Aos sete minutos, Alan Bahia lançou Zé Antônio, que entrou na área e foi travado na hora do último passe. Aos nove minutos Júlio Cear recebeu com liberdade, tocou na saída do goleiro, mas para fora.

O domínio era total do Furacão que, no entanto, mostrando um pouco de ansiedade, perdia boas oportunidades. Aos 14 minutos, Rafael Moura disputou no ar com Gléguer, mas fez falta. O gramado molhado por conta a chuva também prejudicava o espetáculo. Aos 22 minutos, Rafael Moura arriscou o chute cruzado, que passou com perigo. Aos 29 minutos, novamente o pequenino Ferreira tentou de cabeça, mas por cima da meta.

Quando o gol dos paranaenses parecia questão de tempo, o Vitória armou um grande contra-ataque aos 31 minutos. A bola sobrou pra Robert, que fuzilou de fora da área e abriu o placar. Aos 36 minutos, Zé Antônio partiu em velocidade, mas Gléguer saiu do gol pra interceotar. A insistência deu resultado aos 42 minutos. Após cobrança de escanteio de Netinho, Rafael Moura apareceu para tocar de cabeça para o fundo das redes.

No segundo tempo, os times voltaram sem alterações. Aos dois minutos, Valencia lançou para Ferreira, mas Gléguer, mais esperto, saiu para ficar com a bola. Aos oito minutos, Robert entrou com força exagerada em Antônio Carlos e o árbitro mostrou o cartão vermelho para o jogador do time baiano. Aos 12 minutos, Netinho cobrou falta na área, Chico desviou e Gléguer fez a defesa.

Com um jogador a mais o Atlético-PR tentou começar uma pressão. Aos 18 minutos, Zé Antônio bateu com força, cruzado, tentando surpreender Gléguer, que fez a defesa em dois tempos. Até que aos 22 minutos, Alan Bahia partiu para o ataque, abriu espaço e bateu no canto direito, no fundo das redes. A resposta do Leão veio com Jackson, que emendou de fora da área, mas em cima da zaga.

O técnico Geninho reforçou o meio-campo com a entrada de Fernando, tentando matar o jogo ganhando o setor. Aos 32 minutos, Rafael Moura recebeu o lançamento e bateu forte para grande defesa de Gléguer. Aos 38 minutos foi a vez de Geílson ser lançado e obrigar o goleiro baiano a sair da meta pra salvar. Aos 45 minutos, Zé Antônio entrou na área e, na hora de finalizar, foi travado.

Na próxima rodada, o Atlético Paranaense vai ao Rio de Janeiro, onde no sábado enfrenta o Botafogo, no Estádio João Havelange, podendo se livrar de vez do risco de rebaixamento. Já o Vitória recebe o Grêmio, no próximo domingo, no Estádio Barradão, em Salvador.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-PR 2 x 1 VITÓRIA  (Veja como foi o jogo lance a lance)

Local:
Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 16 de novembro de 2008, domingo
Horário: 19h10 (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Marcio Eustaquio S. Santiago (MG) e Flavio Gilberto Kanitz (GO)
Cartões amarelos: Chico (Atlético-PR);Thiago Gomes, Vitor Ramos e Leandro Domingues (Vitória)
Cartão vermelho: Robert (Vitória)

Gols: ATLÉTICO-PR: Rafael Moura, 42 minutos do primeiro tempo; e Alan Bahia, aos 21 minutos do segundo tempo
VITÓRIA: Robert, aos 31 minutos do primeiro tempo

ATLÉTICO-PR: Gallato; Rhodolfo, Antônio Carlos e Chico (Geílson); Zé Antônio, Valencia, Alan Bahia (Gustavo Araújo), Ferreira e Netinho; Rafael Moura e Julio César (Fernando)
Técnico: Geninho

VITÓRIA: Gléguer; Marco Aurélio, Vitor Ramos, Thiago Gomes, Batatais e Daniel (William); Wallace, Renan (Muriqui), Jackson (Adriano); Leandro Domingues e Robert
Técnico: Vagner Mancini


Leia mais sobre: Atlético-PR Vitória Brasileirão



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Virada em casa
Jogando na Arena da Baixada, o Furacão saiu atrás, mas virou para cima do Vitória

Topo