iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/11 - 14:22

Zagueiros querem permanecer; Lucio Flavio mais longe
Clube depende de recursos de patrocinadores para apresentar uma grande proposta ao meia, desejado por outros clubes

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Ainda sofrendo para conseguir pagar os salários atrasados, a diretoria do Botafogo também se desdobra para tentar manter as principais peças do elenco para a próxima temporada. Os zagueiros Renato Silva e André Luis e o meia Lucio Flavio são os titulares com que o Alvinegro mais vem se esforçando para acertar a permanência em General Severiano.

A dupla de zagueiros vem dando entrevistas dizendo que pretende continuar no clube. Renato Silva, que teve a sua contratação pedida por Cuca no ano passado, foi muito hostilizado pelos torcedores no início, mas recuperou seu futebol e vem tendo seu esforço reconhecido pela torcida. Ele já foi procurado e garante que a negociação será feita com toda a transparência.

“O Bebeto de Freitas me procurou há alguns meses e depois conversei com o André Silva. Tenho propostas de outras equipes e vou mostrar todas ao Botafogo porque sou transparente. Mas não escondo que meu principal objetivo é permanecer no Botafogo. Tive um momento muito complicado no clube, mas me recuperei e contei com o apoio dos torcedores. Por isso gostaria muito de ficar. Mas se a diretoria não quiser a minha permanência saio sem nenhuma mágoa e sim com muita gratidão”, disse Renato Silva.

O jogador vai completar no próximo domingo a marca de 100 jogos com a camisa do Botafogo. O confronto será contra o Goiás, às 17horas (Brasília), no Estádio JK, em Itumbiara-GO.

“Gostaria de chegar a essa marca com o Botafogo lutando pelo título, mas infelizmente isso não foi possível e meu pensamento neste momento é conquistar uma vitória para que a lembrança do jogo seja positiva”, disse Renato Silva, que revelou que parte dos jogadores tem ajudado a alguns funcionários, que estão em dificuldades financeiras por causa dos atrasos salariais.

Companheiro de Renato Silva na zaga, André Luis também pretende ficar. O jogador, dos titulares com contrato por terminar, é o que deverá criar menos problemas para renovar. A meta do zagueiro é apagar a imagem de polêmico deixada esse ano, quando se envolveu em dois episódios marcantes em 2008. Pelo primeiro turno do Campeonato Brasileiro, ele deixou o estádio dos Aflitos preso por se envolver em tumulto com a Polícia Militar de Pernambuco após ser expulso na derrota de 3 a 0 para o Náutico. Na semana passada tirou o cartão amarelo da mão do árbitro no empate por 2 a 2 com o Estudiantes, que eliminou o Glorioso da Copa Sul-Americana.

“Se o Botafogo oferecer um novo contrato eu assino e já falei isso várias vezes. Meu objetivo é permanecer no Botafogo, pois essa temporada não foi a esperada, já que pretendo conquistar títulos pelo clube”, disse André.

A situação de Lucio Flavio é a mais complicada. O clube depende de recursos de patrocinadores para apresentar uma grande proposta ao jogador, que tem sondagens de Corinthians e Santos, além de boas propostas do futebol árabe.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo